Política

Lula lidera com 45% e Bolsonaro é o mais rejeitado, mostra Exame/Ideia

No segundo turno, a vantagem do petista para o ex-capitão é de nove pontos

Lula e Jair Bolsonaro. Fotos: Ricardo Stuckert e Evaristo Sá/AFP
Lula e Jair Bolsonaro. Fotos: Ricardo Stuckert e Evaristo Sá/AFP
Apoie Siga-nos no

Pesquisa Exame/Ideia divulgada nesta quinta-feira 23 mostra que o ex-presidente Lula (PT) lidera a corrida eleitoral com 45% das intenções de voto. O seu principal adversário, o presidente Jair Bolsonaro (PL), soma 36% da preferência do eleitorado.

Na sequência, aparecem Ciro Gomes (PDT), com 7%, Simone Tebet (MDB), com 3%, e André Janones (Avante), com 1%. Os demais pré-candidatos não chegaram a 1%.

Para chegar aos resultados, o instituto entrevistou  por telefone 1.500 pessoas entre os dias 17 e 22 de junho. A margem de erro é de três pontos percentuais para mais ou para menos.

“Continuamos vendo a terceira via bastante distante de Lula e Bolsonaro. Vemos também as intenções de voto no ex-ministro Ciro Gomes bastante estáveis”, comenta Maurício Moura, fundador do IDEIA, instituto especializado em opinião pública.

No segundo turno, de acordo com o levantamento, Lula derrotaria todos os adversários. A maior vantagem do petista seria sobre Tebet.

Contra Bolsonaro, passado o primeiro turno, Lula somaria 48% dos votos contra 41% do ex-capitão.

Outro ponto destacado na pesquisa é o índice de rejeição dos pré-candidatos. “Olhando para os dados, o Sudeste será a região crítica para a definição da eleição”, avalia Moura. “Bolsonaro teve um desempenho bastante significativo na eleição de 2018, mas agora vemos um alto grau de rejeição ao governo nessa região”.

Segundo o instituto, 44% dos brasileiros dizem que não votariam de jeito nenhum no atual presidente. Em Lula, seriam 42%.

Leia o relatório completo:

EXAME-IDEIA_-23-DE-JUNHO_ELEICOES-2022-editorial

CartaCapital
Há 27 anos, a principal referência em jornalismo progressista no Brasil.

Tags: , , , , , ,

Jornalismo crítico e inteligente. Todos os dias, no seu e-mail

Assine nossa newsletter

Assine nossa newsletter e receba um boletim matinal exclusivo

Um minuto, por favor...

Apoiar o bom jornalismo nunca foi tão importante

Obrigado por ter chegado até aqui. Nós, da CartaCapital, temos o compromisso diário de levar até os leitores um jornalismo crítico, que chama as coisas pelo nome. E sempre alicerçado em dados e fontes confiáveis. Acreditamos que este seja o melhor antídoto contra as fake news e o extremismo que ameaçam a liberdade e a democracia.

Se este combate também é importante para você, junte-se a nós! Contribua, com o quanto que puder. Ou assine e tenha acesso ao conteúdo completo de CartaCapital.

Leia também

Jornalismo crítico e inteligente. Todos os dias, no seu e-mail

Assine nossa newsletter

Assine nossa newsletter e receba um boletim matinal exclusivo

Um minuto, por favor...

Apoiar o bom jornalismo nunca foi tão importante

Obrigado por ter chegado até aqui. Nós, da CartaCapital, temos o compromisso diário de levar até os leitores um jornalismo crítico, que chama as coisas pelo nome. E sempre alicerçado em dados e fontes confiáveis. Acreditamos que este seja o melhor antídoto contra as fake news e o extremismo que ameaçam a liberdade e a democracia.

Se este combate também é importante para você, junte-se a nós! Contribua, com o quanto que puder. Ou assine e tenha acesso ao conteúdo completo de CartaCapital.