Gabigol deixa Witzel de joelhos em comemoração do título

Witzel se ajoelhou na tentativa de 'lustrar as chuteiras' do atleta do Flamengo, mas Gabigol recusou a oferta e deixou o governador sozinho

Gabigol ignora governador Witzel durante comemoração em Lima (Peru) - Foto: Reprodução

Gabigol ignora governador Witzel durante comemoração em Lima (Peru) - Foto: Reprodução

Esporte,Política

O atacante Gabriel Barbosa, o Gabigol, ignorou o governador Wilson Witzel durante comemoração do Flamengo pela conquista do título da Copa Libertadores, no sábado 23, em Lima (Peru). A imagem foi captada pelo repórter cinematográfico Edu Bernardes, da TV Globo, e viralizou nas redes sociais.

A cena aconteceu ainda no gramado do estádio Monumental: enquanto o elenco do Flamengo aguardava o protocolo de premiação, o governador do Rio de Janeiro se aproximou do atacante do Flamengo e se abaixou na intenção de que o jogador colocasse um de seus pés no seu joelho, como se fosse “lustrar as chuteiras”, repetindo uma comemoração icônica no mundo do futebol.

No entanto, quando percebe a intenção de Witzel, Gabigol vira e sai andando para o lado, ignorando o governador, que foi convidado para acompanhar a decisão da Libertadores pela Conmebol, uma vez que a cidade do Rio de Janeiro será a sede da próxima final única da competição, em 2020.

Assista:

Um minuto, por favor...

Obrigado por ter chegado até aqui. Combater a desinformação, as mentiras e os ataques às instituições custa tempo e dinheiro. Nós, da CartaCapital, temos o compromisso diário de levar até os leitores um jornalismo crítico, alicerçado em dados e fontes confiáveis. Acreditamos que este seja o melhor antídoto contra as fake news e o extremismo que ameaçam a liberdade e a democracia.

Se você acredita no nosso trabalho, junte-se a nós. Apoie, da maneira que puder. Ou assine e tenha acesso ao conteúdo integral de CartaCapital!

Compartilhar postagem