Política

Dirigente confirma que partido de Bolsonaro ajudou a organizar ato antidemocrático

O Aliança pelo Brasil fez o contato entre as lideranças de grupos e movimentos de direita

Presidente Jair Bolsonaro participa de manifestações em Brasília. Foto: AFP
Presidente Jair Bolsonaro participa de manifestações em Brasília. Foto: AFP
Apoie Siga-nos no

As manifestações que aconteceram em Brasília no último domingo 03, que defendiam pautas antidemocráticas, foram organizadas com a ajuda da cúpula do partido Aliança pelo Brasil, sigla que o presidente Jair Bolsonaro tenta criar.

Segundo revelou o jornal Estado de S. Paulo, o ato teve ajuda do segundo vice-presidente do Aliança, o empresário Luís Felipe Belmonte. A informação foi confirmada ao jornal pelo próprio Belmonte, que é o terceiro na escala de comando do Aliança pelo Brasil e atua como operador do partido.

 

O partido foi a ponte, o contato entre as lideranças de grupos e movimentos de direita, que se organizaram para mobilizar os bolsonaristas em todo o País para participarem da manifestação.

Belmonte respondeu que ajudou “com essa movimentação que eu fiz das pessoas”. “Eu botei as pessoas em contato. Tinha pessoal de um tipo de movimento, outro tipo de movimento. Eu botei eles em contato e falei ‘vocês combinem e vocês façam a organização disso aí’. Foi isso aí que eu fiz.”

Ele chegou a ir pessoalmente no ato de domingo, quando Bolsonaro já tinha deixado a rampa do Palácio do Planalto. Conversou com as lideranças dos movimentos e declarou que era preciso reafirmar o apoio a Bolsonaro, mas sem ruptura de Poderes.

CartaCapital
Há 27 anos, a principal referência em jornalismo progressista no Brasil.

Tags: , , ,

Jornalismo crítico e inteligente. Todos os dias, no seu e-mail

Assine nossa newsletter

Assine nossa newsletter e receba um boletim matinal exclusivo

Um minuto, por favor...

Apoiar o bom jornalismo nunca foi tão importante

Obrigado por ter chegado até aqui. Nós, da CartaCapital, temos o compromisso diário de levar até os leitores um jornalismo crítico, que chama as coisas pelo nome. E sempre alicerçado em dados e fontes confiáveis. Acreditamos que este seja o melhor antídoto contra as fake news e o extremismo que ameaçam a liberdade e a democracia.

Se este combate também é importante para você, junte-se a nós! Contribua, com o quanto que puder. Ou assine e tenha acesso ao conteúdo completo de CartaCapital.

Leia também

Jornalismo crítico e inteligente. Todos os dias, no seu e-mail

Assine nossa newsletter

Assine nossa newsletter e receba um boletim matinal exclusivo

Um minuto, por favor...

Apoiar o bom jornalismo nunca foi tão importante

Obrigado por ter chegado até aqui. Nós, da CartaCapital, temos o compromisso diário de levar até os leitores um jornalismo crítico, que chama as coisas pelo nome. E sempre alicerçado em dados e fontes confiáveis. Acreditamos que este seja o melhor antídoto contra as fake news e o extremismo que ameaçam a liberdade e a democracia.

Se este combate também é importante para você, junte-se a nós! Contribua, com o quanto que puder. Ou assine e tenha acesso ao conteúdo completo de CartaCapital.