Política

Caminhões da empresa de Blairo Maggi são alvo de tiros em área de bloqueio bolsonarista no Pará

Ex-senador do MT e ministro do governo Temer, empresário declarou apoio ao presidente Lula durante a eleição

O ex-ministro Blairo Maggi (Agricultura, Pecuária e Abastecimento). Foto: Antônio Cruz/Agência Brasil
Apoie Siga-nos no

Seis caminhões da empresa do ex-ministro da Agricultura Blairo Maggi (PP), Amaggi, foram atingidos por tiros na manhã deste domingo na BR-163, na região de Novo Progresso, no interior do Pará. Os autores seriam apoiadores do presidente Jair Bolsonaro (PL), que se organizavam em um bloqueio antidemocrático na rodovia motivado pela vitória de Lula (PT). Maggi declarou apoio ao petista na disputa.

A Polícia Militar do Pará foi acionada para o trecho por volta das 11h de domingo. O local, há cerca de 81km do Centro de Novo Progresso, tem sido palco de atos bolsonaristas desde o último dia 30. No total, seis veículos foram alvejados. A Amaggi, em nota, afirma que um dos caminhões ficou sem a possibilidade de prosseguir viagem. De acordo com a PM, não houve vítimas.

A empresa de Maggi também confirmou que os caminhões pertencem a frota e que os danos foram apenas materiais, sem motoristas feridos. Ainda segundo a Amaggi, a Polícia Rodoviária Federal (PRF) foi acionada logo após o ocorrido. A PRF foi procurada, mas ainda não retornou o contato. O espaço permanece aberto.

Ex-senador do Mato Grosso, Blairo Maggi declarou apoio a Lula logo no primeiro turno. Durante a disputa contra Bolsonaro, o ex-ministro da Agricultura do governo de Michel Temer representou um importante apoio ao petista no setor do agronegócio, onde o presidente eleito enfrentava dificuldade de articulação.

Maggi também foi apoiador da campanha ao senado em MT de Neri Geller, também do PP. O político, no entanto, teve sua candidatura indeferida por unanimidade pelo Tribunal Superior Eleitoral Eleitoral em setembro.

ENTENDA MAIS SOBRE: , , , , ,

Jornalismo crítico e inteligente. Todos os dias, no seu e-mail

Assine nossa newsletter

Assine nossa newsletter e receba um boletim matinal exclusivo

Apoie o jornalismo que chama as coisas pelo nome

Os Brasis divididos pelo bolsonarismo vivem, pensam e se informam em universos paralelos. A vitória de Lula nos dá, finalmente, perspectivas de retomada da vida em um país minimamente normal. Essa reconstrução, porém, será difícil e demorada. E seu apoio, leitor, é ainda mais fundamental.

Portanto, se você é daqueles brasileiros que ainda valorizam e acreditam no bom jornalismo, ajude CartaCapital a seguir lutando. Contribua com o quanto puder.

Quero apoiar

Jornalismo crítico e inteligente. Todos os dias, no seu e-mail

Assine nossa newsletter

Assine nossa newsletter e receba um boletim matinal exclusivo