Bolsonaro sobre Neymar: ‘momento difícil, mas acredito nele’

Jogador está sendo investigado por acusação de estupro e crime virtual

Bolsonaro sobre Neymar: ‘momento difícil, mas acredito nele’

Política

Jair Bolsonaro resolveu comentar sobre a acusação de estupro envolvendo Neymar – caso que segue em segredo de justiça. E amenizou as críticas que o jogador vem enfrentando.

Segundo informações do jornal Estado de S. Paulo, o presidente afirmou que está ao lado do jogador no processo. “Ele está num momento difícil, mas acredito nele”, disse, e depois cravou: “Neymar, hoje à noite estamos juntos!”, referindo-se ao amistoso com o Catar nesta quarta-feira 5, no Estádio Mané Garrincha, em Brasília.

A declaração foi dada no evento de lançamento do Projeto Juntos pelo Araguaia, em Barra do Garças, no Mato Grosso.

Neymar foi acusado de ter estuprado uma mulher em meados de maio, em Paris, depois que ela foi convidada pelo jogador a visitá-lo. O caso repercutiu na última sexta-feira 31, quando o jogador decidiu postar nas redes sociais as conversas mantidas entre ambos, incluindo fotos íntimas da denunciante.

A denúncia de estupro está sob investigação da Polícia Civil de São Paulo, que já intimou Neymar a prestar depoimento. Por ter divulgado fotos que expuseram a mulher, ele também será investigado pela Polícia Civil do Rio de Janeiro por suspeita de crime virtual.

Responda nossa pesquisa e nos ajude a entender o que nossos leitores esperam de CartaCapital

Um minuto, por favor...

Obrigado por ter chegado até aqui. Combater a desinformação, as mentiras e os ataques às instituições custa tempo e dinheiro. Nós, da CartaCapital, temos o compromisso diário de levar até os leitores um jornalismo crítico, alicerçado em dados e fontes confiáveis. Acreditamos que este seja o melhor antídoto contra as fake news e o extremismo que ameaçam a liberdade e a democracia.

Se você acredita no nosso trabalho, junte-se a nós. Apoie, da maneira que puder. Ou assine e tenha acesso ao conteúdo integral de CartaCapital!

É repórter do site de CartaCapital.

Compartilhar postagem