Política

Bolsonaro não será boia salva-vidas nas eleições. Será uma âncora, diz deputado do PL

Para Marcelo Ramos, de saída do partido, o presidente não tem plano e aposta no carisma

Marcelo Ramos e Jair Bolsonaro. Fotos: Câmara dos Deputados e Sergio Lima/AFP
Marcelo Ramos e Jair Bolsonaro. Fotos: Câmara dos Deputados e Sergio Lima/AFP

O deputado federal Marcelo Ramos reforçou seu desejo de deixar o PL com a chegada de Jair Bolsonaro. O vice-presidente da Câmara é crítico ao ex-capitão e já havia destacado o ‘constrangimento’ em ter Bolsonaro como colega de partido. Ainda filiado ao PL, Ramos concedeu entrevista ao Poder360 e alfinetou novamente o ex-capitão.

“Eu estou indignado porque quem xingou a minha família e a minha casa está entrando na minha casa. E tem gente estendendo o tapete vermelho. Eles não atacaram a mim, atacaram o PL […], mas não sou o dono da casa, não posso escolher quem entra e sai”, afirmou.

“Muitos pensam que ele será boia salva-vidas nas eleições. Eu penso que será uma âncora”, acrescentou o parlamentar.

Para ele, a chegada de Bolsonaro ao partido contribui pouco para o cenário eleitoral em 2022. “Na minha avaliação, não existe trunfo-Bolsonaro, não tem plano e aposta no carisma”, destacou Ramos.

Segundo disse, o atual governo não apresentou nenhum projeto consistente e terá pouco resultado a mostrar na disputa eleitoral do ano que vem. Ainda sobre as eleições, por enquanto, Ramos não vê nenhum nome da chamada terceira via com chances de emplacar.

“Brasil espera de terceira via uma candidatura liberal na economia, socialmente responsável, ambientalmente sustentável e com fundamentos muito claros nos valores da democracia. Os candidatos se apresentam só como negação a Lula e Bolsonaro, não é suficiente”, detalhou.

Ainda sobre a saída do PL, o parlamentar explicou que deve ocorrer apenas em abril, na janela partidária, mas que ‘negocia com Valdemar Costa Neto para sair pela porta da frente’.

A escolha da nova legenda, reforçou, ainda não foi feita.  A tendência seria ficar com o Centrão.

Assine nossa newsletter

Receba conteúdos exclusivos direto na sua caixa de entrada.

Um minuto, por favor...

Obrigado por ter chegado até aqui. Combater a desinformação, as mentiras e os ataques às instituições custa tempo e dinheiro. Nós, da CartaCapital, temos o compromisso diário de levar até os leitores um jornalismo crítico, alicerçado em dados e fonte confiáveis. Acreditamos que este seja o melhor antídoto contra as fake news e o extremismo que ameaçam a liberdade e a democracia.

Se você acredita no nosso trabalho, junte-se a nós. Apoie, da maneira que puder. Ou assine e tenha acesso ao conteúdo integral de CartaCapital!