Bolsonaro escolhe genro de Silvio Santos para Ministério das Comunicações

Presidente recria pasta e acomoda deputado do PSD, de Gilberto Kassab

Reprodução SBT

Reprodução SBT

Política

O presidente Jair Bolsonaro anunciou, na noite da última quarta-feira 10, a recriação do Ministério das Comunicações.

Em entrevista na portaria do Palácio do Alvorada, o presidente revelou que quem assume a pasta é o deputado federal Fábio Faria (PSD).

Faria é genro de Silvio Santos, dono do SBT.

“Vamos ter alguém que, embora não seja profissional do setor, tem conhecimento até pela vida que ele tem junto à família do Silvio Santos. Minha intenção é essa: otimizar e botar o ministério para funcionar nessa área que estamos devendo há muito tempo, uma melhor informação”, afirmou o presidente.

Para acomodar Faria, Bolsonaro dividiu a pasta da Ciência, Tecnologia, Inovações e Comunicações em duas: Ministério das Comunicações e Ministério da Ciência e Tecnologia, que segue comandado pelo astronauta Marcos Pontes.

Em 2018, na campanha eleitoral, Bolsonaro disse que, se eleito, o governo teria “no máximo” 15 ministérios. Com a recriação da pasta das Comunicações, já são 23.

Assista às justificativas do presidente para a escolha.

Junte-se ao grupo de CartaCapital no Telegram

Um minuto, por favor...

Obrigado por ter chegado até aqui. Combater a desinformação, as mentiras e os ataques às instituições custa tempo e dinheiro. Nós, da CartaCapital, temos o compromisso diário de levar até os leitores um jornalismo crítico, alicerçado em dados e fontes confiáveis. Acreditamos que este seja o melhor antídoto contra as fake news e o extremismo que ameaçam a liberdade e a democracia.

Se você acredita no nosso trabalho, junte-se a nós. Apoie, da maneira que puder. Ou assine e tenha acesso ao conteúdo integral de CartaCapital!

Compartilhar postagem