Bolsonaro critica Merkel e diz que Alemanha tem muito o que aprender com o Brasil

A fala de Bolsonaro é uma resposta a chanceler alemã, que disse ver com grande preocupação a questão das ações do presidente brasileiro

Bolsonaro critica Merkel e diz que Alemanha tem muito o que aprender com o Brasil

Política

O presidente Jair Bolsonaro está em Osaka, no Japão, para participar do G20, cúpula das 20 maiores economias do mundo. Quando chegou ao país na noite desta quarta-feira 26, em entrevista coletiva, o pesselista criticou a chanceler alemã, Angela Merkel, e disse que a Alemanha tem muito o que aprender com o Brasil.

A fala de Bolsonaro é uma resposta a Merkel, que disse no parlamento alemão que gostaria de conversar com o presidente brasileiro durante a cúpula no Japão sobre o desmatamento no Brasil.

 

“Vejo com grande preocupação a questão das ações do presidente brasileiro – em relação ao desmatamento – e, se ela se apresentar, aproveitarei a oportunidade no G20 para ter uma discussão clara com ele”, disse a chanceler alemã.

Bolsonaro disse que não vai se comportar como líderes anteriores, que “iam ao encontro para serem advertidos”. “A situação aqui é de respeito para com o Brasil. Não aceitaremos atitudes como no passado com alguns chefes que estiveram aqui”, disse o presidente.

O presidente fará sua estreia oficial no G20 nesta sexta-feira 28, com encontros bilaterais com outros líderes, como Donald Trump e Emmanuel Macron, e também em reuniões com entidades econômicas internacionais.

Junte-se ao grupo de CartaCapital no Telegram

Um minuto, por favor...

Obrigado por ter chegado até aqui. Combater a desinformação, as mentiras e os ataques às instituições custa tempo e dinheiro. Nós, da CartaCapital, temos o compromisso diário de levar até os leitores um jornalismo crítico, alicerçado em dados e fontes confiáveis. Acreditamos que este seja o melhor antídoto contra as fake news e o extremismo que ameaçam a liberdade e a democracia.

Se você acredita no nosso trabalho, junte-se a nós. Apoie, da maneira que puder. Ou assine e tenha acesso ao conteúdo integral de CartaCapital!

Repórter do site de CartaCapital

Compartilhar postagem