Política

Após ofensa, Greenpeace rebate Bolsonaro e mostra ações contra lixo

Bolsonaro chamou a ONG internacional de “lixo” ao ser questionado por repórter sobre o planejamento do Conselho da Amazônia

Presidente Jair Bolsonaro cumprimenta populares no Palácio da Alvorada. Foto: Antonio Cruz/Agência Brasil
Apoie Siga-nos no

A ONG internacional Greenpeace aproveitou a referência a “lixo” feita por Bolsonaro para mostrar suas ações e provocar o presidente. Nesta quinta-feira 13, ao responder um repórter sobre o planejamento do Conselho da Amazônia, Bolsonaro disse que não conhecia a ONG e a chamou de “lixo”. “Quem é Greenpeace? Essa porcaria chamada Greenpeace. Isso é um lixo, um lixo! Outra pergunta”, apontou o presidente, na saída do Palácio do Planalto.

Em sua resposta, além de mostrar o que tem feito na proteção do meio ambiente, o Greenpeace fez referência ao xingamento de Bolsonaro, mostrando seus esforços em relação à coleta de lixo no planeta. Além disso, também apontou outros “lixos preocupantes”, como o desmatamento e a liberação de agrotóxicos, que se intensificaram durante o governo Bolsonaro.

Não é a primeira vez que o presidente ataca o Greenpeace. No ano passado, em meio à crise do vazamento de óleo no Nordeste, Jair Bolsonaro chegou a falar que a ONG poderia ser a culpada pelo acidente e nomeou-a como “terrorista”. A ONG desmentiu os boatos e explicou que o barco acusado de ser culpado sequer funcionava com combustível fóssil.

ENTENDA MAIS SOBRE: , , ,

Jornalismo crítico e inteligente. Todos os dias, no seu e-mail

Assine nossa newsletter

Assine nossa newsletter e receba um boletim matinal exclusivo

Um minuto, por favor…

O bolsonarismo perdeu a batalha das urnas, mas não está morto.

Diante de um país tão dividido e arrasado, é preciso centrar esforços em uma reconstrução.

Seu apoio, leitor, será ainda mais fundamental.

Se você valoriza o bom jornalismo, ajude CartaCapital a seguir lutando por um novo Brasil.

Assine a edição semanal da revista;

Ou contribua, com o quanto puder.

Jornalismo crítico e inteligente. Todos os dias, no seu e-mail

Assine nossa newsletter

Assine nossa newsletter e receba um boletim matinal exclusivo