Afonsinho

Médico e ex-jogador de futebol brasileiro

Opinião

assine e leia

Futebol da exaustão

O atacante egípcio Salah, do Liverpool, jogou, entre janeiro e fevereiro, nada menos que seis partidas, aí incluídas aquelas pela seleção de seu país

(Foto: Oli SCARFF / AFP)
(Foto: Oli SCARFF / AFP)
Apoie Siga-nos no

Só posso acreditar que os tempos sombrios que estamos atravessando sejam os estertores desta fase do capitalismo, que perdeu o mínimo de sentido humano que pudesse ter.

O neoliberalismo não pode ser mais tratado como uma opção política. Esse sistema é uma perversão, que nos chega agora na forma de uma guerra pavorosa.

Este texto não representa, necessariamente, a opinião de CartaCapital.

Afonsinho

Afonsinho
Médico e ex-jogador de futebol brasileiro

Tags: , , ,

Jornalismo crítico e inteligente. Todos os dias, no seu e-mail

Assine nossa newsletter

Assine nossa newsletter e receba um boletim matinal exclusivo

Um minuto, por favor...

Apoiar o bom jornalismo nunca foi tão importante

Obrigado por ter chegado até aqui. Nós, da CartaCapital, temos o compromisso diário de levar até os leitores um jornalismo crítico, que chama as coisas pelo nome. E sempre alicerçado em dados e fontes confiáveis. Acreditamos que este seja o melhor antídoto contra as fake news e o extremismo que ameaçam a liberdade e a democracia.

Se este combate também é importante para você, junte-se a nós! Contribua, com o quanto que puder. Ou assine e tenha acesso ao conteúdo completo de CartaCapital.

Leia também

Jornalismo crítico e inteligente. Todos os dias, no seu e-mail

Assine nossa newsletter

Assine nossa newsletter e receba um boletim matinal exclusivo

Um minuto, por favor...

Apoiar o bom jornalismo nunca foi tão importante

Obrigado por ter chegado até aqui. Nós, da CartaCapital, temos o compromisso diário de levar até os leitores um jornalismo crítico, que chama as coisas pelo nome. E sempre alicerçado em dados e fontes confiáveis. Acreditamos que este seja o melhor antídoto contra as fake news e o extremismo que ameaçam a liberdade e a democracia.

Se este combate também é importante para você, junte-se a nós! Contribua, com o quanto que puder. Ou assine e tenha acesso ao conteúdo completo de CartaCapital.