Trump se protegeu em bunker na Casa Branca durante protesto em Washington

No lado de fora da residência presidencial, manifestantes tentavam derrubar barreiras de metal instaladas

Manifestação na Casa Branca. Foto: AFP

Manifestação na Casa Branca. Foto: AFP

Mundo

O presidente dos EUA, Donald Trump, se escondeu em um  bunker subterrâneo da Casa Branca na última sexta-feira, 29, por causa de protestos que aconteciam fora residência oficial do presidente americano. Segundo informou jornais locais, a decisão  foi tomada pelo Serviço Secreto, encarregado da segurança do presidente.

O New York Times indicou que o presidente foi levado ao bunker na noite de sexta-feira, enquanto manifestantes lutavam com agentes do Serviço Secreto para remover as barreiras de metal instaladas em frente à residência presidencial.

Segundo a CNN, Trump estava no bunker cerca de uma hora antes de retornar ao setor da Casa Branca que serve como sua residência, enquanto do lado de fora os manifestantes jogavam pedras e brigavam com os agentes.  Não foi informado se a família de Trump acompanhou o presidente.

Trump criticou a prefeita democrata de Washington, DC Muriel Bowser,  em um tuíte no domingo de manhã após o protesto, acusando-a de não permitir que a polícia de DC ajudasse agentes do Serviço Secreto. “Eu estava dentro (da Casa Branca), observei todos os movimentos e não poderia me sentir mais seguro”, acrescentou. Trump também criticou duramente o prefeito da capital, Murien Browser.

Após a morte de George Floyd, um homem negro que foi asfixiado por um policial branco, os EUA registraram protestos violentos em diversas cidades.

 

Responda nossa pesquisa e nos ajude a entender o que nossos leitores esperam de CartaCapital

Um minuto, por favor...

Obrigado por ter chegado até aqui. Combater a desinformação, as mentiras e os ataques às instituições custa tempo e dinheiro. Nós, da CartaCapital, temos o compromisso diário de levar até os leitores um jornalismo crítico, alicerçado em dados e fontes confiáveis. Acreditamos que este seja o melhor antídoto contra as fake news e o extremismo que ameaçam a liberdade e a democracia.

Se você acredita no nosso trabalho, junte-se a nós. Apoie, da maneira que puder. Ou assine e tenha acesso ao conteúdo integral de CartaCapital!

Post Tags
Compartilhar postagem