Mundo

Pelo menos 12 civis morrem em massacre na República Democrática do Congo

As Forças Democráticas Aliadas são responsáveis pelas mortes, disseram o exército e a Cruz Vermelha locais

Moradores observam soldados da República Democrática do Congo. Foto: Aubin Mukoni/AFP
Moradores observam soldados da República Democrática do Congo. Foto: Aubin Mukoni/AFP
Apoie Siga-nos no

Pelo menos 12 civis foram mortos no início da manhã deste sábado 28 em Beni, no leste da República Democrática do Congo, por membros do grupo armado das Forças Democráticas Aliadas (ADF), informaram o exército e a Cruz Vermelha locais.

“Ouvimos tiros ao amanhecer na cidade de Beu Manyama. Quando chegamos já era tarde porque a ADF inimiga já havia matado mais de dez de nossos concidadãos com facões”, disse à AFP o capitão Anthony Mualushayi, porta-voz do Exército em Beni. “Fomos perseguidos. Informo que nossos militares neutralizaram sete ADF. Um ADF foi capturado durante a operação de revisão nesta área na parte oeste da estrada nacional nº 4.”

A Cruz Vermelha local deu um número maior de vítimas e afirmou que cerca de 20 civis morreram no ataque.

Kivu do Norte e Ituri estão sob estado de sítio há um ano. 

O grupo armado ADF, apresentado pela organização Estado Islâmico como seu braço na África Central, é acusado de ser responsável pelos massacres de milhares de civis na RDC e de ter cometido ataques jihadistas em Uganda.

AFP

AFP
Agência de notícias francesa, uma das maiores do mundo. Fundada em 1835, como Agência Havas.

Tags: , , ,

Jornalismo crítico e inteligente. Todos os dias, no seu e-mail

Assine nossa newsletter

Assine nossa newsletter e receba um boletim matinal exclusivo

Um minuto, por favor...

Apoiar o bom jornalismo nunca foi tão importante

Obrigado por ter chegado até aqui. Nós, da CartaCapital, temos o compromisso diário de levar até os leitores um jornalismo crítico, que chama as coisas pelo nome. E sempre alicerçado em dados e fontes confiáveis. Acreditamos que este seja o melhor antídoto contra as fake news e o extremismo que ameaçam a liberdade e a democracia.

Se este combate também é importante para você, junte-se a nós! Contribua, com o quanto que puder. Ou assine e tenha acesso ao conteúdo completo de CartaCapital.

Jornalismo crítico e inteligente. Todos os dias, no seu e-mail

Assine nossa newsletter

Assine nossa newsletter e receba um boletim matinal exclusivo

Um minuto, por favor...

Apoiar o bom jornalismo nunca foi tão importante

Obrigado por ter chegado até aqui. Nós, da CartaCapital, temos o compromisso diário de levar até os leitores um jornalismo crítico, que chama as coisas pelo nome. E sempre alicerçado em dados e fontes confiáveis. Acreditamos que este seja o melhor antídoto contra as fake news e o extremismo que ameaçam a liberdade e a democracia.

Se este combate também é importante para você, junte-se a nós! Contribua, com o quanto que puder. Ou assine e tenha acesso ao conteúdo completo de CartaCapital.