Mundo

Número de mortos por coronavírus na China sobe para 425

Foram 64 novos falecimentos registrados na província de Hubei, onde maioria dos casos está concentrada

Chineses usam máscaras em estação de metrô após confirmação de contaminação e mortes pelo coronavírus no país. Foto: AFP
Chineses usam máscaras em estação de metrô após confirmação de contaminação e mortes pelo coronavírus no país. Foto: AFP

O número confirmado de mortes pela epidemia de um novo coronavírus subiu para 425, com 64 novos falecimentos registrados na província de Hubei, informaram as autoridades de saúde chinesas.

Na mesma região, epicentro da epidemia, 2.345 novos casos de contaminação também foram diagnosticados, acrescentaram as fontes.

Nesta segunda-feira 3, o governo brasileiro decretou estado de emergência, mesmo sem ter nenhum caso confirmado. No Brasil, são 14 suspeitas, a maioria delas no estado de São Paulo.

Brasileiros que estão em Wuhan, local com maior foco do surto de coronavírus, publicaram um vídeo no domingo 2 para pedir ajuda ao governo do presidente Jair Bolsonaro.

Segundo o Ministério da Saúde, os brasileiros que devem ser repatriados serão submetidos a uma quarentena de 18 dias.

*Com informações da AFP.

Assine nossa newsletter

Receba conteúdos exclusivos direto na sua caixa de entrada.

Um minuto, por favor...

Obrigado por ter chegado até aqui. Combater a desinformação, as mentiras e os ataques às instituições custa tempo e dinheiro. Nós, da CartaCapital, temos o compromisso diário de levar até os leitores um jornalismo crítico, alicerçado em dados e fonte confiáveis. Acreditamos que este seja o melhor antídoto contra as fake news e o extremismo que ameaçam a liberdade e a democracia.

Se você acredita no nosso trabalho, junte-se a nós. Apoie, da maneira que puder. Ou assine e tenha acesso ao conteúdo integral de CartaCapital!