Mundo

Equipe de Biden ameaça expulsar Trump caso ele se negue a deixar a Casa Branca

‘Autoridades dos EUA são perfeitamente capazes de expulsar intrusos’, afirmou porta-voz do candidato democrata

Foto: AFP
Foto: AFP
Apoie Siga-nos no

Um porta-voz de Joe Biden, o candidato democrata à Presidência, ameaçou nesta sexta-feira 6 “expulsar” Donald Trump da Casa Branca se o presidente dos Estados Unidos se recusar a admitir a derrota, um resultado que parece cada vez mais provável.

Joe Biden, 77 anos, está praticamente com um pé na Casa Branca nesta sexta-feira depois de assumir a liderança na contagem de votos no principal estado-chave da Pensilvânia, mas Trump parecia determinado a contestar o veredito nas urnas.

Nenhum vencedor ainda foi declarado nas eleições e a contagem de votos continua.

“Os americanos decidirão o resultado desta eleição”, disse o porta-voz de Biden, Andrew Bates, nesta sexta-feira. “E as autoridades dos EUA são perfeitamente capazes de expulsar intrusos da Casa Branca”, acrescentou.

Em uma contagem lenta, a tendência se inverteu no início da manhã na Pensilvânia: o ex-vice-presidente democrata está agora à frente do presidente republicano por uma pequena vantagem.

Se o ex-vice-presidente de Barack Obama vencer na Pensilvânia, ele se tornará o 46º presidente dos Estados Unidos em 20 de janeiro, independentemente do resultado da contagem nos demais estados.

Donald Trump, no entanto, mostrou novamente seu descontentamento e despertou o espectro da fraude na quinta-feira, sem apresentar elementos para apoiar sua declaração.

AFP

AFP
Agência de notícias francesa, uma das maiores do mundo. Fundada em 1835, como Agência Havas.

Tags: , , ,

Jornalismo crítico e inteligente. Todos os dias, no seu e-mail

Assine nossa newsletter

Assine nossa newsletter e receba um boletim matinal exclusivo

Um minuto, por favor...

Apoiar o bom jornalismo nunca foi tão importante

Obrigado por ter chegado até aqui. Nós, da CartaCapital, temos o compromisso diário de levar até os leitores um jornalismo crítico, que chama as coisas pelo nome. E sempre alicerçado em dados e fontes confiáveis. Acreditamos que este seja o melhor antídoto contra as fake news e o extremismo que ameaçam a liberdade e a democracia.

Se este combate também é importante para você, junte-se a nós! Contribua, com o quanto que puder. Ou assine e tenha acesso ao conteúdo completo de CartaCapital.

Leia também

Jornalismo crítico e inteligente. Todos os dias, no seu e-mail

Assine nossa newsletter

Assine nossa newsletter e receba um boletim matinal exclusivo

Um minuto, por favor...

Apoiar o bom jornalismo nunca foi tão importante

Obrigado por ter chegado até aqui. Nós, da CartaCapital, temos o compromisso diário de levar até os leitores um jornalismo crítico, que chama as coisas pelo nome. E sempre alicerçado em dados e fontes confiáveis. Acreditamos que este seja o melhor antídoto contra as fake news e o extremismo que ameaçam a liberdade e a democracia.

Se este combate também é importante para você, junte-se a nós! Contribua, com o quanto que puder. Ou assine e tenha acesso ao conteúdo completo de CartaCapital.