Mundo

Biden perdoa condenados por posse e uso de maconha nos EUA

A mudança é um aceno para uma mudança de políticas de combate à drogas no país

Foto: Nicholas Kamm / AFP
Apoie Siga-nos no

O presidente norte-americano Joe Biden anunciou, nesta quinta-feira 6, o perdão a todos condenados em nível federal pela posse ou uso de maconha. 

O democrata pediu que governadores dos estados adotem medidas semelhantes, no que chamou de um passo importante para acabar com “abordagem fracassada” no combate às drogas. 

“Existem milhares de pessoas que têm condenações federais anteriores por porte de maconha, que podem ter tido negadas oportunidades de emprego, moradia ou educação como resultado disso. Minha medida ajudará a aliviar os efeitos colaterais decorrentes dessas condenações”, afirmou o presidente.

Atualmente, diversos estados do país já possuem regras que descriminalizam ou legalizam o uso da substância. 

O presidente estadunidense também pediu uma revisão da Lei de Substâncias Controladas que categoriza a erva no mesmo rol que drogas mais fortes como a heroína, LSD, fentanil e metanfetamina. 

“Muitas vidas foram tiradas por causa da nossa abordagem fracassada”, disse o democrata. “É hora de corrigirmos esses erros.”

A mudança na política de drogas foi uma promessa de campanha de Biden, que usou os primeiros indultos de seu mandato para perdoar e reduzir apegados por crimes não violentos relacionados com a substância. 

ENTENDA MAIS SOBRE: , , ,

Jornalismo crítico e inteligente. Todos os dias, no seu e-mail

Assine nossa newsletter

Assine nossa newsletter e receba um boletim matinal exclusivo

Um minuto, por favor…

O bolsonarismo perdeu a batalha das urnas, mas não está morto.

Diante de um país tão dividido e arrasado, é preciso centrar esforços em uma reconstrução.

Seu apoio, leitor, será ainda mais fundamental.

Se você valoriza o bom jornalismo, ajude CartaCapital a seguir lutando por um novo Brasil.

Assine a edição semanal da revista;

Ou contribua, com o quanto puder.

Leia também

Jornalismo crítico e inteligente. Todos os dias, no seu e-mail

Assine nossa newsletter

Assine nossa newsletter e receba um boletim matinal exclusivo