Marta acima de todos: ela supera Klose e é a maior artilheira em Copas

Seleção vai para as oitavas de finais na França e joga no final de semana

Marta acima de todos: ela supera Klose e é a maior artilheira em Copas

Esporte

“Quando é o próximo jogo da seleção feminina?” Essa, que foi uma das perguntas mais feitas ao Google após a estreia da seleção brasileira na Copa Feminina no jogo com a Jamaica em 9 de junho, quando o Brasil venceu por 3 a 0, é uma pergunta que deve ser repetida.

Isto porque na tarde desta terça-feira 18, a seleção brasileira bateu a Itália por 1 a 0 e garantiu um lugar nas oitavas de finais na França.

O gol foi de Marta, no segundo tempo, após uma tensa etapa inicial. A camisa 10 marcou de pênalti e entrou para a história. Se fizesse dois gols no torneio, superaria o polonês Miroslav Klose, até então maior artilheiro das Copas do Mundo. No jogo contra a Austrália, Marta marcou. Hoje, superou Klose – e todos os homens e todas as mulheres do esporte mais popular do mundo.

90 minutos de tensão até a classificação

O jogo foi duro para as brasileiras. E antes mesmo do apito inicial: poucas horas antes de a bola rolar veio o anúncio de que a atacante Andressa Alves havia se lesionado durante os treinos e ficará fora de toda a Copa. “O pior dia pra mim dentro do futebol”, escreveu nas redes sociais.

O Brasil precisaria no mínimo empatar com a Itália para garantir um lugar nas oitavas de finais. Sem Andressa e sem a veterana Formiga (suspensa por receber dois cartões amarelos nos dois primeiros jogos). E sem a confiança após a dolorida derrota para a Austrália na quinta-feira 13, após sair vencendo por 2 a 0.

Se o apoio dos brasileiros é importante para o desempenho da seleção, as jogadoras certamente terão uma injeção de ânimo na próxima fase, em que pegam Alemanha ou França. Na estreia da seleção na Copa Feminina, 19 milhões de pessoas assistiram ao jogo na TV aberta, transformando o jogo na segunda maior audiência de futebol feminino no mundo.

O próximo jogo será no final de semana.

Responda nossa pesquisa e nos ajude a entender o que nossos leitores esperam de CartaCapital

Um minuto, por favor...

Obrigado por ter chegado até aqui. Combater a desinformação, as mentiras e os ataques às instituições custa tempo e dinheiro. Nós, da CartaCapital, temos o compromisso diário de levar até os leitores um jornalismo crítico, alicerçado em dados e fontes confiáveis. Acreditamos que este seja o melhor antídoto contra as fake news e o extremismo que ameaçam a liberdade e a democracia.

Se você acredita no nosso trabalho, junte-se a nós. Apoie, da maneira que puder. Ou assine e tenha acesso ao conteúdo integral de CartaCapital!

Estagiária de Jornalismo de CartaCapital.com.br

Post Tags
Compartilhar postagem