…

MEC lança programa de TV e plataforma de estudos para Enem

Educação

Com foco nos alunos de Ensino Médio prestes a realizar o Enem, o Ministério da Educação lançou um site com conteúdo interativo, aulas e boletins especiais. O Hora do Enem é um projeto elaborado para fornecer diferentes formas de estudar o conteúdo da prova pensada a partir de uma matriz com 21 habilidades, sendo cada uma avaliada por três questões.

O aluno que acessar o portal pode escolher entre acompanhar o programa de TV, fazer simulados on-line, criar um plano de estudos adequado às suas necessidades e baixar vídeos. É possível ainda acessar notícias, receber orientações de como se preparar para a prova, conhecer questões que já caíram em anos anteriores, além de conhecer outros estudantes no mesmo momento da vida.

Desde 2009, as provas objetivas passaram a ser estruturadas em quatro matrizes, uma para cada área do conhecimento. São elas: Matemática e suas tecnologias (que engloba primordialmente Matemática); Ciências Humanas e suas tecnologias (onde serão cobrados conhecimentos de História, Sociologia, Geografia e Filosofia); Linguagens, códigos e suas tecnologias (que aborda conhecimentos de Português e Literatura); e Ciências da Natureza e suas tecnologia (com foco em Química, Física e Biologia).

Além de um programa com entrevistas e questões da prova comentadas por especialistas e boletins diários com dicas para os alunos, o site traz uma plataforma de estudo, com exercícios e simulados on-line, uma seção do site com questões do exame e um aplicativo disponível para download.

O inovador do site, no entanto, está na parte que se chama MecFlix, na qual a partir de 30 de abril o aluno poderá assistir a aulas de diferentes áreas, além de salvá-las e saber a incidência de alguns temas nas questões de provas passadas do Enem.

mecflix

Responda nossa pesquisa e nos ajude a entender o que nossos leitores esperam de CartaCapital

Um minuto, por favor...

Obrigado por ter chegado até aqui. Combater a desinformação, as mentiras e os ataques às instituições custa tempo e dinheiro. Nós, da CartaCapital, temos o compromisso diário de levar até os leitores um jornalismo crítico, alicerçado em dados e fontes confiáveis. Acreditamos que este seja o melhor antídoto contra as fake news e o extremismo que ameaçam a liberdade e a democracia.

Se você acredita no nosso trabalho, junte-se a nós. Apoie, da maneira que puder. Ou assine e tenha acesso ao conteúdo integral de CartaCapital!

Compartilhar postagem