Educação

Cresce o número de jovens brasileiros com Ensino Médio completo

Levantamento mostra um aumento de 15,4 pontos percentuais na taxa de conclusão da etapa entre jovens com até 19 anos

Apoie Siga-nos no

Levantamento feito pela ONG Todos Pela Educação (TPE), baseado nos dados da Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios (Pnad) do IBGE, apontou que na última década houve um aumento no número de jovens com até 19 anos de idade que concluíram o Ensino Médio.

O País passou de uma taxa de conclusão de 41,4% em 2005 para 56,7% em 2014, isto é, avançou 15,4 pontos percentuais. Os resultados abarcam tanto alunos da rede pública quanto da privada. Entre 2013 e 2014, a taxa de conclusão da etapa na idade adequada (até 19 anos) cresceu 2,4 pontos percentuais.

O índice subiu em todas as regiões do Brasil entre 2013 e 2014. A melhora mais notável, entretanto, está na região Norte, que avançou 5,2 pontos percentuais.

O levantamento mostra também que, apesar das desigualdades terem diminuído de forma geral quando o recorte se refere à renda per capita, raça e localidade, as disparidades no acesso persistem. A discrepância entre os 25% mais ricos e os 25% mais pobres da população caiu de 62,4 pontos percentuais em 2005 para 48,1 pontos em 2014. Entretanto, a pesquisa lembra que mesmo se a taxa de conclusão dos 25% mais pobres dobrasse, ela não alcançaria o nível da faixa da população mais rica.

Quando o foco é raça/cor dos alunos, o destaque está entre a população parda, cuja taxa aumentou 19,8 pontos percentuais. Entre os pretos, o crescimento foi de 17,1 pontos, enquanto os brancos apresentam 12,3.

A conclusão do Ensino Médio cresceu mais no campo nos últimos dez anos do que nas cidades brasileiras. O crescimento foi de 21,2 pontos percentuais na zona rural ante 13,1 pontos percentuais nas áreas urbanas.

Saiba mais
Meta 4 do Todos Pela Educação – Dados

CartaCapital
Há 27 anos, a principal referência em jornalismo progressista no Brasil.

Tags: , , ,

Jornalismo crítico e inteligente. Todos os dias, no seu e-mail

Assine nossa newsletter

Assine nossa newsletter e receba um boletim matinal exclusivo

Um minuto, por favor...

Apoiar o bom jornalismo nunca foi tão importante

Obrigado por ter chegado até aqui. Nós, da CartaCapital, temos o compromisso diário de levar até os leitores um jornalismo crítico, que chama as coisas pelo nome. E sempre alicerçado em dados e fontes confiáveis. Acreditamos que este seja o melhor antídoto contra as fake news e o extremismo que ameaçam a liberdade e a democracia.

Se este combate também é importante para você, junte-se a nós! Contribua, com o quanto que puder. Ou assine e tenha acesso ao conteúdo completo de CartaCapital.

Jornalismo crítico e inteligente. Todos os dias, no seu e-mail

Assine nossa newsletter

Assine nossa newsletter e receba um boletim matinal exclusivo

Um minuto, por favor...

Apoiar o bom jornalismo nunca foi tão importante

Obrigado por ter chegado até aqui. Nós, da CartaCapital, temos o compromisso diário de levar até os leitores um jornalismo crítico, que chama as coisas pelo nome. E sempre alicerçado em dados e fontes confiáveis. Acreditamos que este seja o melhor antídoto contra as fake news e o extremismo que ameaçam a liberdade e a democracia.

Se este combate também é importante para você, junte-se a nós! Contribua, com o quanto que puder. Ou assine e tenha acesso ao conteúdo completo de CartaCapital.