Educação

Após infecção de 34 professores, escola de Campinas suspende aulas presenciais

Um estudante também testou positivo para a doença. Outros seis apresentam sintomas, segundo a escola

Apoie Siga-nos no

Pelo menos duas escolas particulares de Campinas (SP) que retomaram as aulas presenciais tiveram que suspender as atividades após infecções por coronavírus.

O caso mais grave aconteceu no Instituto Educacional Jaime Kratz, onde pelo menos 34 professores e um estudante testaram positivo para a Covid-19. A unidade tinha retomado as aulas presenciais no dia 25 de janeiro, mas voltou a suspendê-las na segunda-feira 1 após surto da doença. Pelo menos seis alunos estão com sintomas, segundo a escola.

Em nota oficial, o colégio informou que a suspensão das aulas presenciais se mantem até o dia 18 de fevereiro, período em que as aulas serão ofertadas remotamente.

A unidade, que tem 1,3 mil alunos, voltou às atividades presenciais em sistema de rodízio, com 35% dos alunos presentes por dia. Ainda de acordo com a escola, foram cumpridos o distanciamento social e era feita desinfecção no prédio diariamente. “O uso de álcool em gel e máscara também era respeitado”, diz nota oficial divulgada pela instituição.

O Instituto Educacional Jaime Kratz alega ainda que comunicou o sistema de informações do Estado (Simed) sobre as ocorrências e enviou uma planilha com os dados epidemiológicos de todos os docentes infectados à Vigilância Sanitária de Campinas. A Delegacia de Ensino do Estado também foi comunicada.

As atividades escolares presenciais também foram suspensas em outra escola particular da cidade, o Colégio Farroupilha. Pelo menos uma professora e um aluno que frequentam a educação infantil em período integral teriam testado positivo para a doença. Os casos, segundo a escola, foram detectados no sábado 30 de janeiro. A suspensão das aulas presenciais segue até o dia 9 de fevereiro nas três unidades da instituição.

ENTENDA MAIS SOBRE: , , ,

Jornalismo crítico e inteligente. Todos os dias, no seu e-mail

Assine nossa newsletter

Assine nossa newsletter e receba um boletim matinal exclusivo

Leia também

Jornalismo crítico e inteligente. Todos os dias, no seu e-mail

Assine nossa newsletter

Assine nossa newsletter e receba um boletim matinal exclusivo

Um minuto, por favor…

O bolsonarismo perdeu a batalha das urnas, mas não está morto.

Diante de um país tão dividido e arrasado, é preciso centrar esforços em uma reconstrução.

Seu apoio, leitor, será ainda mais fundamental.

Se você valoriza o bom jornalismo, ajude CartaCapital a seguir lutando por um novo Brasil.

Assine a edição semanal da revista;

Ou contribua, com o quanto puder.