Economia

Mercado

Número de falências decretadas é o menor desde 2005

por Agência Brasil publicado 06/01/2012 10h14, última modificação 06/01/2012 10h14
Ao todo, 641 empresas faliram, o que representa uma queda de 12,4% sobre o movimento de 2010 (732)

Marli Moreira*

 

São Paulo - As falências decretadas em todo o país, no ano passado, somaram 641, o que representa uma queda de 12,4% sobre o movimento de 2010 (732) .

Na mesma base de comparação também houve recuo de 10,4% nas solicitações de falências que alcançaram l.737 ante l.939. Em ambos os casos, os volumes foram os mais baixos desde 2005, ano em que entrou vigor a nova lei de falências.

Os dados são da pesquisa Indicador Serasa Experian de Falências e Recuperações.

“O mercado interno forte e a expansão do crédito evitaram maior impacto da política monetária restritiva para o controle da inflação, via juros elevados, sobre a solvência das empresas. Nesse contexto, os efeitos da crise global também foram minimizados”, justificaram os economistas da Serasa Experian.

Já os pedidos de recuperação judicial aumentaram 10%, passando de 475, em 2010, para 515, em 2011.

 

*Matéria originalmente publicada em Agência Brasil

registrado em: Celso Amorim