Economia

assine e leia

Amigo sol

A geração solar alcança a terceira posição na matriz energética brasileira

Imagem: Aline Batista/Prefeitura de Palmas
Apoie Siga-nos no

A energia solar tornou-se a terceira fonte geradora da matriz elétrica brasileira, com 16,4 gigawatts de capacidade aplicada, à frente das termoelétricas a gás natural e biomassa e atrás da hídrica e da eólica, indica levantamento da Associação Brasileira de Energia Solar Fotovoltaica ­(Absolar). A geração residencial é o principal vetor do crescimento nos últimos dez anos, a fim de reduzir a conta de luz. Atualmente, 70% da energia solar produzida por aqui vem de pequenos sistemas instalados nos telhados das residências, comércios e propriedades rurais. Segundo a vice-presidente da Absolar, Bárbara Rubim, outro impulso vem das mais de cem linhas de financiamento disponíveis para o consumidor que quer gerar a própria energia. “Algumas delas, aliás, permitem trocar a conta de luz pela prestação do financiamento”, destaca a executiva. O marco legal da geração de energia solar deverá impulsionar mais o setor ainda neste ano. Na prática, empresas e consumidores que aderirem à energia solar ainda em 2022 ficarão isentos de impostos até 2045, ou seja, pelos próximos 23 anos. A adesão ao benefício encerra-se em 7 de janeiro do ano que vem.

Imagem: Redes sociais


ENTENDA MAIS SOBRE: , ,

Jornalismo crítico e inteligente. Todos os dias, no seu e-mail

Assine nossa newsletter

Assine nossa newsletter e receba um boletim matinal exclusivo

Apoie o jornalismo que chama as coisas pelo nome

Os Brasis divididos pelo bolsonarismo vivem, pensam e se informam em universos paralelos. A vitória de Lula nos dá, finalmente, perspectivas de retomada da vida em um país minimamente normal. Essa reconstrução, porém, será difícil e demorada. E seu apoio, leitor, é ainda mais fundamental.

Portanto, se você é daqueles brasileiros que ainda valorizam e acreditam no bom jornalismo, ajude CartaCapital a seguir lutando. Contribua com o quanto puder.

Quero apoiar

Jornalismo crítico e inteligente. Todos os dias, no seu e-mail

Assine nossa newsletter

Assine nossa newsletter e receba um boletim matinal exclusivo