Após imbróglio com a Ancine, “Marighella” anuncia data de estreia

Dirigido por Wagner Moura, o filme que conta a historia do militante comunista já foi selecionado para diversos festivais internacionais

Foto: Divulgação

Foto: Divulgação

Cultura

O filme que conta a história do militante comunista Carlos Marighella já tem data para ser lançado no Brasil: dia 14 de maio. O longa, dirigido por Wagner Moura, chegaria aos cinemas brasileiros em 20 de novembro, dia da Consciência Negra, mas foi impedido por burocracias exigidas pela Ancine (Agência Nacional do Cinema).

À época,  a O2 Filmes declarou em nota que não conseguiu cumprir a tempo todos os trâmites exigidos pela Ancine. A produtora teve dois recursos negados pela agência.

“A única luta que se perde é aquela que se abandona.” Com essa frase do comunista, o perfil do filme no Instagram divulgou, nesta quinta-feira 16, a data de estreia nos cinemas do Brasil.

 

Ver essa foto no Instagram

 

“A única luta que se perde é aquela que se abandona”. #MarighellaOFilme estreia oficialmente 14 de maio nos cinemas.

Uma publicação compartilhada por Marighella – O Filme (@marighella_ofilme) em

Estrelado por Seu Jorge, “Marighella” foi selecionado para diversos festivais internacionais, como o Festival de Berlim, onde fez sua estreia mundial, o Bari International Film Festival, na Itália, e o 66º Sydney Film Festival, na Austrália.

Um minuto, por favor...

Obrigado por ter chegado até aqui. Combater a desinformação, as mentiras e os ataques às instituições custa tempo e dinheiro. Nós, da CartaCapital, temos o compromisso diário de levar até os leitores um jornalismo crítico, alicerçado em dados e fontes confiáveis. Acreditamos que este seja o melhor antídoto contra as fake news e o extremismo que ameaçam a liberdade e a democracia.

Se você acredita no nosso trabalho, junte-se a nós. Apoie, da maneira que puder. Ou assine e tenha acesso ao conteúdo integral de CartaCapital!

Compartilhar postagem