Cultura

assine e leia

A cantora restauradora: Monica Salmaso começa o ano com um tributo a Milton Nascimento

Por caminhos nada óbvios, a artista recria cada detalhe das canções às quais presta tributo e, não raro, dá a elas nova leitura

Encontros. Monica diz ter tido um “surto psicótico e com fúria criativa” durante o isolamento social. Um dos frutos do “surto” foi o projeto Ô de Casas, para o YouTube, no qual fez duetos virtuais com Ney Matogrosso, Chico Buarque e mais 169 artistas
Encontros. Monica diz ter tido um “surto psicótico e com fúria criativa” durante o isolamento social. Um dos frutos do “surto” foi o projeto Ô de Casas, para o YouTube, no qual fez duetos virtuais com Ney Matogrosso, Chico Buarque e mais 169 artistas
Apoie Siga-nos no

A cantora Monica Salmaso é uma aprendiz no universo das redes sociais. “Não sei nem a senha do meu perfil no Facebook”, diz, em entrevista a Carta Capital, por videochamada. Apesar disso, poucos nomes do showbiz­ brasileiro souberam, diante do fechamento das casas de espetáculos provocado pela pandemia, se reinventar como ela.

Tomada por um “surto psicótico e com fúria criativa”, como gosta de dizer, a intérprete de 50 anos de idade e 25 de carreira discográfica, embrenhou-se em atividades que vão de especiais no YouTube a álbuns dedicados ao violonista e compositor Guinga e ao poeta Vinicius de Moraes.

Sergio Martins

Sergio Martins
Jornalista, diretor musical e curador artístico

Tags: , , , ,

Jornalismo crítico e inteligente. Todos os dias, no seu e-mail

Assine nossa newsletter

Assine nossa newsletter e receba um boletim matinal exclusivo

Um minuto, por favor...

Apoiar o bom jornalismo nunca foi tão importante

Obrigado por ter chegado até aqui. Nós, da CartaCapital, temos o compromisso diário de levar até os leitores um jornalismo crítico, que chama as coisas pelo nome. E sempre alicerçado em dados e fontes confiáveis. Acreditamos que este seja o melhor antídoto contra as fake news e o extremismo que ameaçam a liberdade e a democracia.

Se este combate também é importante para você, junte-se a nós! Contribua, com o quanto que puder. Ou assine e tenha acesso ao conteúdo completo de CartaCapital.

Jornalismo crítico e inteligente. Todos os dias, no seu e-mail

Assine nossa newsletter

Assine nossa newsletter e receba um boletim matinal exclusivo

Um minuto, por favor...

Apoiar o bom jornalismo nunca foi tão importante

Obrigado por ter chegado até aqui. Nós, da CartaCapital, temos o compromisso diário de levar até os leitores um jornalismo crítico, que chama as coisas pelo nome. E sempre alicerçado em dados e fontes confiáveis. Acreditamos que este seja o melhor antídoto contra as fake news e o extremismo que ameaçam a liberdade e a democracia.

Se este combate também é importante para você, junte-se a nós! Contribua, com o quanto que puder. Ou assine e tenha acesso ao conteúdo completo de CartaCapital.