CartaExpressa

Vídeo: Marina Sena menciona eleições no Lolla em meio a gritos de ‘Lula’

‘Tira [o título], bora votar. É o único jeito mínimo de a gente conseguir mudar alguma coisa’

Apoie Siga-nos no

A cantora Marina Sena subiu ao palco do Lollapalooza, em São Paulo, na tarde deste domingo 27, e fez menção às eleições deste ano. A cantora, natural de Taiobeiras (MG), disse ter transferido seu título eleitoral para São Paulo.

“Tira [o título], bora votar. É o único jeito mínimo de a gente conseguir mudar alguma coisa. A gente precisa tirar o título e ir lá votar, gente, pelo amor de Deus. Não dá mais”, afirmou durante o show.

Enquanto a artista incentivava os jovens a buscar a Justiça Eleitoral para garantir o direito ao voto neste ano, o público entoava gritos em defesa do ex-presidente Lula, líder das pesquisas de intenção de voto.

No  início deste domingo, o ministro Raul Araújo, do Tribunal Superior Eleitoral, acolheu o pedido do PL pela proibição de manifestações políticas durante as apresentações do Lollapalooza. Na representação, a sigla de Jair Bolsonaro mencionava a apresentação da cantora Pabllo Vittar. Na sexta 25, antes de deixar o palco, ela pegou uma bandeira vermelha com o rosto de Lula. Em outros momentos, fez o sinal da letra L com a mão.

Em sua decisão, o ministro do TSE entendeu que “a manifestação exteriorizada pelos artistas durante a participação no evento, tal qual descrita na inicial, e retratada na documentada anexada, caracteriza propaganda político-eleitoral”.

CartaCapital
Há 27 anos, a principal referência em jornalismo progressista no Brasil.

Tags: , , , , ,

Jornalismo crítico e inteligente. Todos os dias, no seu e-mail

Assine nossa newsletter

Assine nossa newsletter e receba um boletim matinal exclusivo

Um minuto, por favor...

Apoiar o bom jornalismo nunca foi tão importante

Obrigado por ter chegado até aqui. Nós, da CartaCapital, temos o compromisso diário de levar até os leitores um jornalismo crítico, que chama as coisas pelo nome. E sempre alicerçado em dados e fontes confiáveis. Acreditamos que este seja o melhor antídoto contra as fake news e o extremismo que ameaçam a liberdade e a democracia.

Se este combate também é importante para você, junte-se a nós! Contribua, com o quanto que puder. Ou assine e tenha acesso ao conteúdo completo de CartaCapital.

Leia também

Jornalismo crítico e inteligente. Todos os dias, no seu e-mail

Assine nossa newsletter

Assine nossa newsletter e receba um boletim matinal exclusivo

Um minuto, por favor...

Apoiar o bom jornalismo nunca foi tão importante

Obrigado por ter chegado até aqui. Nós, da CartaCapital, temos o compromisso diário de levar até os leitores um jornalismo crítico, que chama as coisas pelo nome. E sempre alicerçado em dados e fontes confiáveis. Acreditamos que este seja o melhor antídoto contra as fake news e o extremismo que ameaçam a liberdade e a democracia.

Se este combate também é importante para você, junte-se a nós! Contribua, com o quanto que puder. Ou assine e tenha acesso ao conteúdo completo de CartaCapital.