CartaExpressa

STF forma maioria para negar indulto humanitário a Maluf

A defesa do ex-parlamentar pediu o perdão de sua pena em razão de doença grave e permanente

Créditos: Reprodução TV Globo
Créditos: Reprodução TV Globo
Apoie Siga-nos no

O Supremo Tribunal Federal formou maioria nesta sexta-feira 20 para negar a concessão de indulto humanitário ao ex-deputado Paulo Maluf.

Os ministros julgaram um pedido da defesa de Maluf pelo perdão de sua pena em razão de doença grave e permanente. O relator da solicitação, o ministro Edson Fachin, entendeu, com base em laudos oficiais, que Maluf não merece o indulto.

“A perícia oficial, exigida pelo ato presidencial, insista-se, foi conclusiva no sentido de que o ora agravante [Maluf], sob o prisma do critério médico legal e os métodos de análise adotados, não está acometido por doença grave permanente”, afirmou Fachin.

Maluf foi condenado, em 2017, pela 1ª Turma do STF por lavagem de dinheiro, com pena fixada em 7 anos, 9 meses e 10 dias de prisão em regime fechado. Há quatro anos, ele cumpre prisão domiciliar humanitária.

CartaCapital
Há 27 anos, a principal referência em jornalismo progressista no Brasil.

Tags: , , , ,

Jornalismo crítico e inteligente. Todos os dias, no seu e-mail

Assine nossa newsletter

Assine nossa newsletter e receba um boletim matinal exclusivo

Um minuto, por favor...

Apoiar o bom jornalismo nunca foi tão importante

Obrigado por ter chegado até aqui. Nós, da CartaCapital, temos o compromisso diário de levar até os leitores um jornalismo crítico, que chama as coisas pelo nome. E sempre alicerçado em dados e fontes confiáveis. Acreditamos que este seja o melhor antídoto contra as fake news e o extremismo que ameaçam a liberdade e a democracia.

Se este combate também é importante para você, junte-se a nós! Contribua, com o quanto que puder. Ou assine e tenha acesso ao conteúdo completo de CartaCapital.

Leia também

Jornalismo crítico e inteligente. Todos os dias, no seu e-mail

Assine nossa newsletter

Assine nossa newsletter e receba um boletim matinal exclusivo

Um minuto, por favor...

Apoiar o bom jornalismo nunca foi tão importante

Obrigado por ter chegado até aqui. Nós, da CartaCapital, temos o compromisso diário de levar até os leitores um jornalismo crítico, que chama as coisas pelo nome. E sempre alicerçado em dados e fontes confiáveis. Acreditamos que este seja o melhor antídoto contra as fake news e o extremismo que ameaçam a liberdade e a democracia.

Se este combate também é importante para você, junte-se a nós! Contribua, com o quanto que puder. Ou assine e tenha acesso ao conteúdo completo de CartaCapital.