CartaExpressa,Saúde

Queiroga diz que precisa convencer Bolsonaro sobre as melhores práticas contra a Covid

Queiroga diz que precisa convencer Bolsonaro sobre as melhores práticas contra a Covid

Ministro da Saúde evitou criticar o seu antecessor, mas disse que o estava sendo feito não surtiu o resultado desejado

O ministro da Saúde, Marcelo Queiroga. Foto: Reprodução/TV Brasil

O ministro da Saúde, Marcelo Queiroga. Foto: Reprodução/TV Brasil

O ministro da Saúde, Marcelo Queiroga, afirmou que cabe a ele persuadir o presidente Jair Bolsonaro sobre as “melhores práticas” de combate ao novo coronavírus.

“É meu dever persuadir meu presidente em relação às melhores práticas. Se eu não conseguir, a falha é minha, e não do presidente”, afirmou em entrevista à Folha de S.Paulo.

“Ele foi eleito para governar o país. Eu me vacinei contra a Covid, e, antes de chegar aqui, me vacinei contra qualquer tipo de intriga. Não estou aqui para fazer política na saúde, mas de saúde”, acrescentou.

Na conversa, Queiroga evitou criticar o seu antecessor, general Eduardo Pazuello, mas disse que “se o que estava sendo feito tivesse surtido o resultado desejado, eu não seria o ministro da Saúde”.

Sobre o uso de medicamentos ineficazes contra a Covid-19, como a cloroquina, o ministro revelou que convidou a “comunidade científica, os técnicos do ministério, médicos assistenciais” para “buscar um caminho de convergência em cima das condutas que comprovadamente funcionam”.

 

 

Junte-se ao grupo de CartaCapital no Telegram

Um minuto, por favor...

Obrigado por ter chegado até aqui. Combater a desinformação, as mentiras e os ataques às instituições custa tempo e dinheiro. Nós, da CartaCapital, temos o compromisso diário de levar até os leitores um jornalismo crítico, alicerçado em dados e fontes confiáveis. Acreditamos que este seja o melhor antídoto contra as fake news e o extremismo que ameaçam a liberdade e a democracia.

Se você acredita no nosso trabalho, junte-se a nós. Apoie, da maneira que puder. Ou assine e tenha acesso ao conteúdo integral de CartaCapital!

Compartilhar postagem