CartaExpressa

Morre, aos 88 anos, a escritora e jornalista Danuza Leão

Ela estava internada para tratar um enfisema pulmonar e morreu de insuficiência respiratória

Apoie Siga-nos no

Morreu, na noite da quarta 22, no Rio de Janeiro, aos 88 anos, a escritora, jornalista e ex-modelo Danuza Leão. Ela estava internada para tratar um enfisema pulmonar e morreu de insuficiência respiratória.

O corpo será cremado no Cemitério do Caju.

Danuza foi modelo profissional em Paris e se tornou a maior promotora de festas nas boates do Rio de Janeiro. Foi colunista dos jornais Folha de São Paulo e Jornal do Brasil e colaboradora de novelas da Rede Globo.

Como autora, escreveu os livros Na sala com Danuza, As aparências enganam e Quase Tudo, sua autobiografia lançada em 2006.

Também atuou em Terra em Transe, filme brasileiro de 1967, roteirizado e dirigido por Glauber Rocha.

Danuza é mãe da artista plástica Pinky Wainer, do falecido jornalista Samuel Wainer Filho e de Bruno Wainer, empresário do ramo de distribuição cinematográfica, e avó do ator Gabriel Wainer.

CartaCapital
Há 27 anos, a principal referência em jornalismo progressista no Brasil.

Tags: , ,

Jornalismo crítico e inteligente. Todos os dias, no seu e-mail

Assine nossa newsletter

Assine nossa newsletter e receba um boletim matinal exclusivo

Um minuto, por favor...

Apoiar o bom jornalismo nunca foi tão importante

Obrigado por ter chegado até aqui. Nós, da CartaCapital, temos o compromisso diário de levar até os leitores um jornalismo crítico, que chama as coisas pelo nome. E sempre alicerçado em dados e fontes confiáveis. Acreditamos que este seja o melhor antídoto contra as fake news e o extremismo que ameaçam a liberdade e a democracia.

Se este combate também é importante para você, junte-se a nós! Contribua, com o quanto que puder. Ou assine e tenha acesso ao conteúdo completo de CartaCapital.

Jornalismo crítico e inteligente. Todos os dias, no seu e-mail

Assine nossa newsletter

Assine nossa newsletter e receba um boletim matinal exclusivo

Um minuto, por favor...

Apoiar o bom jornalismo nunca foi tão importante

Obrigado por ter chegado até aqui. Nós, da CartaCapital, temos o compromisso diário de levar até os leitores um jornalismo crítico, que chama as coisas pelo nome. E sempre alicerçado em dados e fontes confiáveis. Acreditamos que este seja o melhor antídoto contra as fake news e o extremismo que ameaçam a liberdade e a democracia.

Se este combate também é importante para você, junte-se a nós! Contribua, com o quanto que puder. Ou assine e tenha acesso ao conteúdo completo de CartaCapital.