CartaExpressa

Frias custeia idas a clubes de tiro com dinheiro público e omite da agenda, diz jornal

O integrante do governo Bolsonaro solicitou a viagem em ‘caráter de urgência’ e informou que visitaria clubes de tiro em SBC e Campinas

O secretário especial de Cultura, Mario Frias. Foto: Reprodução
O secretário especial de Cultura, Mario Frias. Foto: Reprodução
Apoie Siga-nos no

O secretário especial da Cultura, Mario Frias, custeou com recursos públicos idas a clubes de tiro, em São Paulo. As informações são da coluna Painel, da Folha de S. Paulo.

O integrante do governo Bolsonaro solicitou a viagem em ‘caráter de urgência’, conforme consta no Portal da Transparência, e informou que visitaria os clubes de tiro Assault, em SBC, e Anvil, em Campinas.

Em sua agenda oficial, no entanto, as visitas foram ocultas, sendo disponibilizadas apenas reuniões com apoiadores e políticos da região.

No dia 7 de fevereiro, dia em que Frias foi ao clube de tiro no ABC, consta em sua agenda uma reunião política (11h30-12h30), uma visita a parque (13h-14h) e o deslocamento de São Bernardo para São Paulo (17h). Na data, ele estava acompanhado do secretário de Direitos Autorais, Felipe Carmona Cantera, e do chefe de gabinete, Raphael Azevedo. O trio se encontrou com o vereador bolsonarista Paulo Chuchu, braço direito de Eduardo Bolsonaro (União Brasil-SP). No dia seguinte, conforme apuração da coluna, a dinâmica se repetiu na visita a um clube de tiro na região de Campinas.

Segundo dados do Portal da Transparência e do Painel de Viagens, entre 7 a 9 de fevereiro, Frias, Cantera e Azevedo gastaram cerca de R$ 10 mil conjuntamente entre diárias e passagens nos deslocamentos entre Brasília, São Paulo, São Bernardo do Campo, Campinas, Analândia e Brotas.

CartaCapital
Há 27 anos, a principal referência em jornalismo progressista no Brasil.

Tags: , , ,

Jornalismo crítico e inteligente. Todos os dias, no seu e-mail

Assine nossa newsletter

Assine nossa newsletter e receba um boletim matinal exclusivo

Um minuto, por favor...

Apoiar o bom jornalismo nunca foi tão importante

Obrigado por ter chegado até aqui. Nós, da CartaCapital, temos o compromisso diário de levar até os leitores um jornalismo crítico, que chama as coisas pelo nome. E sempre alicerçado em dados e fontes confiáveis. Acreditamos que este seja o melhor antídoto contra as fake news e o extremismo que ameaçam a liberdade e a democracia.

Se este combate também é importante para você, junte-se a nós! Contribua, com o quanto que puder. Ou assine e tenha acesso ao conteúdo completo de CartaCapital.

Leia também

Jornalismo crítico e inteligente. Todos os dias, no seu e-mail

Assine nossa newsletter

Assine nossa newsletter e receba um boletim matinal exclusivo

Um minuto, por favor...

Apoiar o bom jornalismo nunca foi tão importante

Obrigado por ter chegado até aqui. Nós, da CartaCapital, temos o compromisso diário de levar até os leitores um jornalismo crítico, que chama as coisas pelo nome. E sempre alicerçado em dados e fontes confiáveis. Acreditamos que este seja o melhor antídoto contra as fake news e o extremismo que ameaçam a liberdade e a democracia.

Se este combate também é importante para você, junte-se a nós! Contribua, com o quanto que puder. Ou assine e tenha acesso ao conteúdo completo de CartaCapital.