CartaExpressa,Política

Manifestantes protestam contra o governo Bolsonaro em Salvador

Manifestantes protestam contra o governo Bolsonaro em Salvador

(Foto: CartaCapital)

(Foto: CartaCapital)

Um grupo de manifestantes foi ao centro de Salvador, na tarde desta sexta-feira 11, protestar contra o presidente Jair Bolsonaro. Com uma dupla de atores encenando a personificação da morte e o presidente numa cela, os integrantes do Coletivo Fora Bolsonaro nas Ruas e de centrais sindicais e estudantis marcharam em silêncio da Piedade até a Praça Castro Alves, na região central da capital baiana, carregando faixas que retratavam o aumento do desmatamento, as mortes por Covid-19 e a retirada de direitos.

Luciana Liberato, uma das coordenadoras do coletivo, disse que a manifestação visa alertar a população para o caos causado pelo governo em retardar a aquisição de vacinas. Ela também criticou a política de esvaziamento do Estado feita pela equipe econômica de Bolsonaro.

Cristiano Cabral, que também integrou a marcha, repudiou o texto da Reforma Administrativa e culpou o governo pelas quase 500 mil mortes por Covid-19 registradas desde o início da pandemia.

A deputada federal Lídice da Mata (PSB-BA) e a vereadora de Salvador Marta Rodrigues (PT) participaram do protesto.

Relatora da CPMI das Fake News, Lídice disse que o governo federal promove a desinformação “e é sim o maior responsável pelo recorde de mortes para cada milhão de habitantes, fazendo do Brasil um dos países mais letais do mundo”.

Junte-se ao grupo de CartaCapital no Telegram

Um minuto, por favor...

Obrigado por ter chegado até aqui. Combater a desinformação, as mentiras e os ataques às instituições custa tempo e dinheiro. Nós, da CartaCapital, temos o compromisso diário de levar até os leitores um jornalismo crítico, alicerçado em dados e fontes confiáveis. Acreditamos que este seja o melhor antídoto contra as fake news e o extremismo que ameaçam a liberdade e a democracia.

Se você acredita no nosso trabalho, junte-se a nós. Apoie, da maneira que puder. Ou assine e tenha acesso ao conteúdo integral de CartaCapital!

Compartilhar postagem