CartaExpressa

Maia: no final, Crivella mais parece um diabo do que um pastor

Maia: no final, Crivella mais parece um diabo do que um pastor

Maia também afirmou que o governo está criando um

Maia também afirmou que o governo está criando um "balcão" de negócios na Câmara. Foto: Michel Jesus/Câmara dos Deputados

Após votar neste domingo 29 na Barra da Tijuca, no Rio de Janeiro, o presidente da Câmara dos Deputados, Rodrigo Maia (DEM), criticou duramente o atual prefeito e candidato à reeleição, Marcelo Crivella (Republicanos), oponente do ex-prefeito Eduardo Paes (DEM), que aparece à frente nas pesquisas.

“Não posso deixar de falar da minha surpresa com a atitude do prefeito Crivella, que parecia um pastor, e pareceu mais no final um diabo, com tanta agressividade, com tantas mentiras, fake news. É uma pena ver um pastor de uma igreja tomar seu corpo de tanto ódio”, disse Maia.

“Espero que as pesquisas estejam certas e ele (Crivella) volte para dentro da igreja, volte a orar, fale com Deus e volte a ser o pastor que sempre foi”, completou o presidente da Câmara.

 

Um minuto, por favor...

Obrigado por ter chegado até aqui. Combater a desinformação, as mentiras e os ataques às instituições custa tempo e dinheiro. Nós, da CartaCapital, temos o compromisso diário de levar até os leitores um jornalismo crítico, alicerçado em dados e fontes confiáveis. Acreditamos que este seja o melhor antídoto contra as fake news e o extremismo que ameaçam a liberdade e a democracia.

Se você acredita no nosso trabalho, junte-se a nós. Apoie, da maneira que puder. Ou assine e tenha acesso ao conteúdo integral de CartaCapital!

Compartilhar postagem