CartaExpressa

Leonardo Boff a Lula: “Seria um gesto generoso apoiar Boulos”

Para teólogo e escritor, o PT tem poucas chances de vencer a eleição em São Paulo

Apoie Siga-nos no

O teólogo, filósofo e escritor Leonardo Boff fez um apelo ao ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT), em publicação nas redes sociais nesta sexta-feira 23: desistir da candidatura de Jilmar Tatto (PT) à Prefeitura de São Paulo e apoiar a chapa do PSOL, de Guilherme Boulos e Luiza Erundina. Para Boff, o PT tem poucas chances e, portanto, apostar em Boulos seria “um gesto mais generoso”.

Em uma publicação posterior, Boff diz que Lula e o PT “ganharão em respeitabilidade” se apoiarem Boulos e Erundina e “mostrariam de fato que amam mais as causas do povo que o próprio partido”. E seguiu: “O partido é parte, o povo é todo. Deve-se buscar sempre o que é melhor para o povo. Boulos e Erundina representam o melhor”.

Opinião similar foi escrita pelo diretor de redação de CartaCapital, Mino Carta, em editorial publicado na última semana: “Desculpe, Lula, mas em São Paulo era hora de apoiar Boulos”.

ENTENDA MAIS SOBRE: , , , , , ,

Jornalismo crítico e inteligente. Todos os dias, no seu e-mail

Assine nossa newsletter

Assine nossa newsletter e receba um boletim matinal exclusivo

Jornalismo crítico e inteligente. Todos os dias, no seu e-mail

Assine nossa newsletter

Assine nossa newsletter e receba um boletim matinal exclusivo

Um minuto, por favor…

O bolsonarismo perdeu a batalha das urnas, mas não está morto.

Diante de um país tão dividido e arrasado, é preciso centrar esforços em uma reconstrução.

Seu apoio, leitor, será ainda mais fundamental.

Se você valoriza o bom jornalismo, ajude CartaCapital a seguir lutando por um novo Brasil.

Assine a edição semanal da revista;

Ou contribua, com o quanto puder.