CartaExpressa

‘O senhor é um negacionista compulsivo’, diz Katia Abreu a Araújo na CPI da Covid

‘O senhor é um negacionista compulsivo’, diz Katia Abreu a Araújo na CPI da Covid

A senadora Kátia Abreu (PP-TO). Foto: Beto Barata/Agência Senado

A senadora Kátia Abreu (PP-TO). Foto: Beto Barata/Agência Senado

A senadora Kátia Abreu (PP-TO) fez duras críticas ao ex-chanceler Ernesto Araújo durante seu depoimento na CPI Covid. A parlamentar rebateu as declarações anteriores do ex-membro do governo que negou ataques à China.

“O senhor é um negacionista compulsivo, omisso. Foi uma bússola que nos direcionou para o caos, para um iceberg, para um naufrágio”, disparou.

A senadora leu trechos de um artigo publicado por Araújo, em seu blog, intitulado ‘Chegou o comunavírus’ em que supõe a tese de uma ameaça comunista vivida pelo país com a pandemia do coronavírus.

“O senhor chamou de comunavírus. Isso não é ataque? Quero saber se isso ajudou ou atrapalhou a compra de vacinas do Brasil com aquele país”, questionou a senadora.

“O senhor ainda apoiou ataques ao senhor Thedros Adhanon, presidente da OMS, e por incrível que pareça nós estamos muito em mãos dessa criatura, que aglutina todo um consórcio, o Covaxin, para vacinar os países pobres e em desenvolvimento”, apontou.

“É muito triste, justamente a China, tão atacada, o Tedros , tão atacado, o governo Biden, tão atacado, e hoje nós estamos na mão dessas pessoas que o senhor não só atacou, como apoiou ataques, na porta, se humilhando, pedindo vacina. Eu não me importo de me humilhar, agora o senhor deve desculpas ao País”, finalizou.

 

Junte-se ao grupo de CartaCapital no Telegram

Um minuto, por favor...

Obrigado por ter chegado até aqui. Combater a desinformação, as mentiras e os ataques às instituições custa tempo e dinheiro. Nós, da CartaCapital, temos o compromisso diário de levar até os leitores um jornalismo crítico, alicerçado em dados e fontes confiáveis. Acreditamos que este seja o melhor antídoto contra as fake news e o extremismo que ameaçam a liberdade e a democracia.

Se você acredita no nosso trabalho, junte-se a nós. Apoie, da maneira que puder. Ou assine e tenha acesso ao conteúdo integral de CartaCapital!

Compartilhar postagem