CartaExpressa,Política

Kalil: para se viabilizar, Ciro tem de ‘tomar Lexotan toda manhã’

Kalil: para se viabilizar, Ciro tem de ‘tomar Lexotan toda manhã’

Alexandre Kalil e Ciro Gomes. Fotos: Agência Brasil e Evaristo Sá/AFP

Alexandre Kalil e Ciro Gomes. Fotos: Agência Brasil e Evaristo Sá/AFP

O prefeito de Belo Horizonte, Alexandre Kalil (PSD), comentou nesta terça-feira 15 a possibilidade de ser candidato a vice-presidente em uma chapa encabeçada por Ciro Gomes (PDT).

“O Ciro é um ótimo nome. Agora, ele tem que arregimentar esse centro. Ele tem que se viabilizar”, disse Kalil em entrevista ao jornal O Globo.

Questionado sobre a necessidade de Ciro ‘dosar a retórica’, o prefeito da capital mineira emendou: “Tem que tomar Lexotan toda manhã”.

Na entrevista, Kalil ainda afirmou que, “a princípio”, não se coloca no páreo para concorrer ao Palácio do Planalto. Ele, no entanto, não bateu o martelo. “Eu estou no tabuleiro. Eu estou no jogo. Eu não vou me tirar do jogo”.

 

 

Junte-se ao grupo de CartaCapital no Telegram

Um minuto, por favor...

Obrigado por ter chegado até aqui. Combater a desinformação, as mentiras e os ataques às instituições custa tempo e dinheiro. Nós, da CartaCapital, temos o compromisso diário de levar até os leitores um jornalismo crítico, alicerçado em dados e fontes confiáveis. Acreditamos que este seja o melhor antídoto contra as fake news e o extremismo que ameaçam a liberdade e a democracia.

Se você acredita no nosso trabalho, junte-se a nós. Apoie, da maneira que puder. Ou assine e tenha acesso ao conteúdo integral de CartaCapital!

Compartilhar postagem