CartaExpressa,Política

Juíza de SP quebra os sigilos bancário e fiscal de Valdemiro Santiago

Juíza de SP quebra os sigilos bancário e fiscal de Valdemiro Santiago

(Foto: Reprodução/Youtube)

(Foto: Reprodução/Youtube)

A Justiça de São Paulo determinou a quebra dos sigilos bancário e fiscal de Valdemiro Santiago, fundador da Igreja Mundial do Poder de Deus. A decisão foi tomada no âmbito de uma dívida de aluguel referente a um imóvel em Carapicuíba, na Grande São Paulo.

A quebra foi autorizada pela juíza Rossana Luiza de Faria, segundo o UOL, e alcança também as contas de Mateus Machado de Oliveira. A magistrada argumentou que a medida é importante para “apurar eventual confusão patrimonial”.

De acordo com o site, o proprietário do imóvel em Carapicuíba sustenta que há indícios de que valores doados por fiéis foram “ocultados” nas contas de Valdemiro. O valor cobrado é de cerca de 248 mil reais.

Ao se defender, Valdemiro alegou que, por não fazer parte do estatuto social da igreja e não ter assinado o contrato de locação, não deve ser alvo da quebra. A Igreja Mundial contesta o valor e diz que a dívida seria de 202 mil reais.

 

 

Junte-se ao grupo de CartaCapital no Telegram

Um minuto, por favor...

Obrigado por ter chegado até aqui. Combater a desinformação, as mentiras e os ataques às instituições custa tempo e dinheiro. Nós, da CartaCapital, temos o compromisso diário de levar até os leitores um jornalismo crítico, alicerçado em dados e fontes confiáveis. Acreditamos que este seja o melhor antídoto contra as fake news e o extremismo que ameaçam a liberdade e a democracia.

Se você acredita no nosso trabalho, junte-se a nós. Apoie, da maneira que puder. Ou assine e tenha acesso ao conteúdo integral de CartaCapital!

Compartilhar postagem