CartaExpressa

Governo Lula pode lançar versão internacional da EBC em 2024

A ideia surgiu após o presidente reclamar da ausência de conteúdo que ‘mostra o Brasil’ ao mundo

O ministro da Secom, Paulo Pimenta. Foto: Fabio Rodrigues-Pozzebom/ Agência Brasil
Apoie Siga-nos no

O ministro da Secretaria de Comunicação Social, Paulo Pimenta (PT), anunciou a jornalistas que o governo Lula estuda retomar um projeto para internacionalizar a EBC e a TV Brasil a partir de 2024. O canal, informou o petista, terá o objetivo de divulgar as ações do País no exterior.

Pimenta não deu detalhes sobre os custos e como funcionaria, na prática, a iniciativa. O ministro pontou que a ideia surgiu após o presidente Lula notar uma ausência de conteúdos que mostram o Brasil ao mundo.

“O presidente Lula, nas viagens internacionais, se ressente muito porque ele não encontra conteúdo que mostra o Brasil e divulga as coisas do Brasil”, declarou o ministro, nesta terça-feira 17. “Ele tem muita vontade, desejo, de que a gente possa voltar a ter um espaço de divulgação do Brasil”.

De acordo com Pimenta, o projeto também conta com aval da Embratur, hoje presidida pelo ex-deputado Marcelo Freixo. O órgão atua com a divulgação internacional dos ativos turísticos brasileiros.

“Nós ainda não temos [o projeto] detalhado. É uma ideia que nós temos. São vários cenários e possibilidades. As próximas mudanças tecnológicas, elas tornam muito mais viáveis, mais barato, um projeto de pensar uma EBC internacional”, acrescentou. “Num próximo período, vamos finalizar uma ideia”

As declarações do ministro foram dadas após cerimônia de expansão da Rede Nacional de Comunicação Pública. Durante o evento, a Empresa Brasileira de Comunicação, a EBC, firmou acordos de cooperação com mais de 30 universidades federais para ampliar o sinal de transmissão da TV Brasil.

ENTENDA MAIS SOBRE: , , , ,

Jornalismo crítico e inteligente. Todos os dias, no seu e-mail

Assine nossa newsletter

Assine nossa newsletter e receba um boletim matinal exclusivo

Relacionadas

Jornalismo crítico e inteligente. Todos os dias, no seu e-mail

Assine nossa newsletter

Assine nossa newsletter e receba um boletim matinal exclusivo

Apoie o jornalismo que chama as coisas pelo nome

Os Brasis divididos pelo bolsonarismo vivem, pensam e se informam em universos paralelos. A vitória de Lula nos dá, finalmente, perspectivas de retomada da vida em um país minimamente normal. Essa reconstrução, porém, será difícil e demorada. E seu apoio, leitor, é ainda mais fundamental.

Portanto, se você é daqueles brasileiros que ainda valorizam e acreditam no bom jornalismo, ajude CartaCapital a seguir lutando. Contribua com o quanto puder.

Quero apoiar