CartaExpressa,Política

Globo faz ‘vestibular’ para 3ª via porque teme vitória do PT no 1º turno, diz Lula

Globo faz ‘vestibular’ para 3ª via porque teme vitória do PT no 1º turno, diz Lula

Foto: Reprodução/TV PT

Foto: Reprodução/TV PT

O ex-presidente Lula afirmou nesta quinta-feira 30 que setores da imprensa brasileira, em especial a Rede Globo, promovem uma espécie de ‘vestibular’ a fim de encontrar um candidato para a chamada 3ª via.

Lula participou virtualmente do ato de filiação do ex-governador da Paraíba Ricardo Coutinho ao PT.

“Tivemos um golpe na Dilma, depois um golpe nas eleições de 2018 e agora está acontecendo uma novidade: alguns canais de televisão que participaram do golpe, que não quiseram que o PT continuasse governando, estão fazendo vestibular para as eleições de 2022. Sou candidato desde 1989 e eu nunca fui convidado para um debate como pré-candidato”, disse Lula.

Segundo ele, a Globo tenta “fazer um Enem, um vestibular para ver quem vai disputar as eleições” contra o PT.

“Já dão de barato que podem derrotar o Bolsonaro, que o Bolsonaro pode não ir ao 2º turno, mas os ataques a nós mostram que estão preocupados com o fato de que a gente possa ganhar as eleições no 1º turno. Então, é preciso bater muito no Lula e no PT, porque pode acontecer algo que eles não querem: que a gente, representando as forças democráticas e progressistas, possa voltar a governar este País”.

Pesquisa Ipespe divulgada nesta quinta-feira 30 aponta que Lula mantém a dianteira nas intenções de voto para a Presidência da República em 2022. Ele lidera os dois cenários considerados para o 1º turno e venceria qualquer adversário no 2º. Veja os detalhes da pesquisa no link abaixo:

 

Um minuto, por favor...

Obrigado por ter chegado até aqui. Combater a desinformação, as mentiras e os ataques às instituições custa tempo e dinheiro. Nós, da CartaCapital, temos o compromisso diário de levar até os leitores um jornalismo crítico, alicerçado em dados e fontes confiáveis. Acreditamos que este seja o melhor antídoto contra as fake news e o extremismo que ameaçam a liberdade e a democracia.

Se você acredita no nosso trabalho, junte-se a nós. Apoie, da maneira que puder. Ou assine e tenha acesso ao conteúdo integral de CartaCapital!

Compartilhar postagem