CartaExpressa

Gleisi: ‘A militância de Bolsonaro tem utilizado Ciro para atingir Lula’

A presidenta do PT afirmou não haver pressão sobre o PDT por um apoio a Lula já no primeiro turno da eleição

Gleisi Hoffmann e Ciro Gomes. Fotos: Marcos Oliveira/Agência Senado e José Cruz/Agência Brasil
Gleisi Hoffmann e Ciro Gomes. Fotos: Marcos Oliveira/Agência Senado e José Cruz/Agência Brasil
Apoie Siga-nos no

A presidenta nacional do PT, Gleisi Hoffmann, afirmou que não tem dialogado com o PDT, em respeito à pré-candidatura de Ciro Gomes, e que não há qualquer pressão petista sobre a sigla por um apoio a Lula já no primeiro turno da eleição presidencial.

“Nós mostramos disposição de conversar. Eles não têm disposição, e nós respeitamos”, disse Gleisi em entrevista à Folha de S.Paulo publicada neste sábado 28. Ela acrescentou, porém, que a militância de Jair Bolsonaro “tem utilizado o Ciro para tentar atingir o Lula”, em referência à ofensiva do pedetista contra o ex-presidente.

Questionada se acredita que a candidatura de Ciro com críticas a Lula auxilia Bolsonaro, Gleisi emendou: “Não sou eu que acho. São os bolsonaristas que estão utilizando ele”.

Uma pesquisa Datafolha divulgada na última quinta-feira 26 mostra que Lula lidera a disputa pela Presidência da República com 21 pontos percentuais de vantagem sobre Bolsonaro no primeiro turno. O petista chega a 54% dos votos válidos.

No segundo, Lula ampliou a dianteira sobre o ex-capitão na comparação com a rodada anterior, de março, e venceria por 58% a 33%.

A terceira via está distante do segundo turno. Ciro, o terceiro colocado, marca 7%. Aparecem a seguir André Janones (Avante) e Simone Tebet (MDB), com 2% cada; e Pablo Marçal (PROS) e Vera Lúcia (PSTU), com 1% cada.

CartaCapital
Há 27 anos, a principal referência em jornalismo progressista no Brasil.

Tags: , , , , , ,

Jornalismo crítico e inteligente. Todos os dias, no seu e-mail

Assine nossa newsletter

Assine nossa newsletter e receba um boletim matinal exclusivo

Um minuto, por favor...

Apoiar o bom jornalismo nunca foi tão importante

Obrigado por ter chegado até aqui. Nós, da CartaCapital, temos o compromisso diário de levar até os leitores um jornalismo crítico, que chama as coisas pelo nome. E sempre alicerçado em dados e fontes confiáveis. Acreditamos que este seja o melhor antídoto contra as fake news e o extremismo que ameaçam a liberdade e a democracia.

Se este combate também é importante para você, junte-se a nós! Contribua, com o quanto que puder. Ou assine e tenha acesso ao conteúdo completo de CartaCapital.

Leia também

Jornalismo crítico e inteligente. Todos os dias, no seu e-mail

Assine nossa newsletter

Assine nossa newsletter e receba um boletim matinal exclusivo

Um minuto, por favor...

Apoiar o bom jornalismo nunca foi tão importante

Obrigado por ter chegado até aqui. Nós, da CartaCapital, temos o compromisso diário de levar até os leitores um jornalismo crítico, que chama as coisas pelo nome. E sempre alicerçado em dados e fontes confiáveis. Acreditamos que este seja o melhor antídoto contra as fake news e o extremismo que ameaçam a liberdade e a democracia.

Se este combate também é importante para você, junte-se a nós! Contribua, com o quanto que puder. Ou assine e tenha acesso ao conteúdo completo de CartaCapital.