CartaExpressa,Política

Flávio Bolsonaro pede que STF declare extinto processo sobre foro das ‘rachadinhas’

Flávio Bolsonaro pede que STF declare extinto processo sobre foro das ‘rachadinhas’

O senador Flávio Bolsonaro. Foto: Reprodução

O senador Flávio Bolsonaro. Foto: Reprodução

A defesa do senador Flávio Bolsonaro (Patriota-RJ) pediu, nesta terça-feira 28, que o Supremo Tribunal Federal encerre um processo na 2ª Turma que julgaria o recurso do Ministério Público do Rio de Janeiro contra a decisão que garantiu foro privilegiado ao ‘Zero Um’ na investigação das ‘rachadinhas’.

Segundo o jornal O Globo, os advogados alegaram ao STF que procuradores do MP do Rio, em outro procedimento aberto contra Flávio, reconheceram a “atribuição da Procuradoria-Geral de Justiça para investigar e atuarnos feitos envolvendo o Senador da República Flávio Bolsonaro”.

O impasse é sobre qual instância deveria julgar as acusações contra o filho mais velho do presidente Jair Bolsonaro, que foi denunciado por peculato, organização criminosa e lavagem de dinheiro enquanto era deputado estadual no Rio de Janeiro.

A decisão que garantiu foro especial a Flávio e transferiu o inquérito das ‘rachadinhas’ para 2ª instância foi tomada em junho do ano passado pela 3ª Câmara Criminal do Tribunal de Justiça do Rio. Na 2ª Turma do STF, o pano de fundo da discussão será a tese dos ‘mandatos cruzados’, usada pela defesa do senador no caso, segundo a qual um político pode manter o foro privilegiado do cargo antigo após assumir um novo posto.

Flávio Bolsonaro é acusado pelo MP fluminense de comandar um esquema de desvio de salários de funcionários que trabalhavam em seu gabinete na Assembleia Legislativa do estado durante mandatos como deputado estadual.

 

Um minuto, por favor...

Obrigado por ter chegado até aqui. Combater a desinformação, as mentiras e os ataques às instituições custa tempo e dinheiro. Nós, da CartaCapital, temos o compromisso diário de levar até os leitores um jornalismo crítico, alicerçado em dados e fontes confiáveis. Acreditamos que este seja o melhor antídoto contra as fake news e o extremismo que ameaçam a liberdade e a democracia.

Se você acredita no nosso trabalho, junte-se a nós. Apoie, da maneira que puder. Ou assine e tenha acesso ao conteúdo integral de CartaCapital!

Compartilhar postagem