CartaExpressa

‘Eu me senti desqualificado’, diz presidente do PDT de Minas após crítica de Ciro a pré-candidato

‘Não sei o que veio fazer aqui saindo ontem do PT e se filiando ao PDT’, afirmou Ciro sobre Miguel Corrêa

O pré-candidato do PDT à Presidência, Ciro Gomes. Foto: Divulgação/PDT
O pré-candidato do PDT à Presidência, Ciro Gomes. Foto: Divulgação/PDT
Apoie Siga-nos no

O presidente do PDT de Minas Gerais, Mário Heringer, afirmou se sentir “desqualificado” após as críticas de Ciro Gomes ao pré-candidato do partido ao governo mineiro, Miguel Corrêa.

Disse Ciro em entrevista à CNN Brasil na quinta-feira 26: “Esse cidadão que se apresenta como candidato do PDT em Minas Gerais não é do PDT e não será candidato. Inclusive, é inelegível, porque tem ficha suja. Não sei o que veio fazer aqui saindo ontem do PT e se filiando ao PDT. Desse falo publicamente, porque não é companheiro”.

Nesta sexta, ao portal G1, Heringer disse se sentir “desqualificado para ficar nesta posição”.

“Se o que eu faço não serve, ou não está certo, acho melhor abrir espaço para alguém que conheça melhor o partido. Eu sou PDT desde 1982 e me filiei ao PDT quando resolvi ser candidato em 2001. Este é meu único partido. Estava fazendo todo esforço pela campanha deste ano.”

Acrescentou, porém, que votará em Ciro e não deixará de fazer campanha pelo presidenciável pedetista.

Em 8 de maio, em entrevista à TV Paranaíba Miguel Corrêa afirmou que defenderá Ciro e estará ao lado dele “nessa caminhada”, mas acrescentou que “o grande objetivo desta eleição é derrotar Bolsonaro”.

Miguel Corrêa ainda disse que “Lula está para o Brasil como Nelson Mandela está para a África do Sul” e que “a grandeza do presidente Lula e a capacidade que ele tem de solução e de governar são infinitamente superiores”.

“O Ciro, para mim, é o que pode ser diferente disso. É uma campanha que possa se apresentar para pensar o Brasil do futuro e, por consequência, avalio que ele teria todas as condições técnicas para conduzir o País, de domínio da gestão política”, avaliou Corrêa na ocasião. “Eu tenho um carinho e proximidade com Ciro e Lula. A vitória do Ciro é ter Lula no governo do Brasil. Da mesma forma quando Lula ganhou as eleições, Ciro esteve à frente de um ministério, tenho certeza de que estará novamente se for o caso de Lula vencer.”

CartaCapital
Há 27 anos, a principal referência em jornalismo progressista no Brasil.

Tags: , , , , , ,

Jornalismo crítico e inteligente. Todos os dias, no seu e-mail

Assine nossa newsletter

Assine nossa newsletter e receba um boletim matinal exclusivo

Um minuto, por favor...

Apoiar o bom jornalismo nunca foi tão importante

Obrigado por ter chegado até aqui. Nós, da CartaCapital, temos o compromisso diário de levar até os leitores um jornalismo crítico, que chama as coisas pelo nome. E sempre alicerçado em dados e fontes confiáveis. Acreditamos que este seja o melhor antídoto contra as fake news e o extremismo que ameaçam a liberdade e a democracia.

Se este combate também é importante para você, junte-se a nós! Contribua, com o quanto que puder. Ou assine e tenha acesso ao conteúdo completo de CartaCapital.

Leia também

Jornalismo crítico e inteligente. Todos os dias, no seu e-mail

Assine nossa newsletter

Assine nossa newsletter e receba um boletim matinal exclusivo

Um minuto, por favor...

Apoiar o bom jornalismo nunca foi tão importante

Obrigado por ter chegado até aqui. Nós, da CartaCapital, temos o compromisso diário de levar até os leitores um jornalismo crítico, que chama as coisas pelo nome. E sempre alicerçado em dados e fontes confiáveis. Acreditamos que este seja o melhor antídoto contra as fake news e o extremismo que ameaçam a liberdade e a democracia.

Se este combate também é importante para você, junte-se a nós! Contribua, com o quanto que puder. Ou assine e tenha acesso ao conteúdo completo de CartaCapital.