CartaExpressa

Ernesto Araújo deveria ser preso, diz presidente da Frente Brasil-China

Ernesto Araújo deveria ser preso, diz presidente da Frente Brasil-China

Fausto Pinato (PP-SP) comentou o depoimento do ex-ministro na CPI da Covid e diz que não há racionalidade no negacionismo do governo

Foto: Reprodução

Foto: Reprodução

O deputado Fausto Pinato (PP-SP), presidente da Frente Parlamentar Brasil-China, afirmou nesta terça-feira 18 que o ex-ministro das Relações Exteriores Ernesto Araújo “deveria ser preso”. O ex-chanceler depôs hoje na CPI da Covid e foi acusado por senadores de mentir na Comissão.

“Em relação à política internacional, o ex-ministro deveria ser preso, pois prejudicou muito. A médio e longo prazo nós vamos sentir impactos econômicos. O Brasil se tornou motivo de gozação e toda diplomacia, com a teoria olavista, levou o País ao buraco e vamos precisar de uns 10 anos para recuperar a credibilidade de novo”, disse o deputado em entrevista exclusiva ao Direto da Redação, boletim de notícias do canal de CartaCapital no Youtube.

Para o parlamentar, não há racionalidade no negacionismo do governo.

“Eles misturam ficção com realidade. É preciso até ver a questão da sanidade mental”

Assista a entrevista na íntegra:

 

Junte-se ao grupo de CartaCapital no Telegram

Um minuto, por favor...

Obrigado por ter chegado até aqui. Combater a desinformação, as mentiras e os ataques às instituições custa tempo e dinheiro. Nós, da CartaCapital, temos o compromisso diário de levar até os leitores um jornalismo crítico, alicerçado em dados e fontes confiáveis. Acreditamos que este seja o melhor antídoto contra as fake news e o extremismo que ameaçam a liberdade e a democracia.

Se você acredita no nosso trabalho, junte-se a nós. Apoie, da maneira que puder. Ou assine e tenha acesso ao conteúdo integral de CartaCapital!

Editor do site de CartaCapital.

Compartilhar postagem