CartaExpressa

Em meio a discussão, Lira ameaça retirar Glauber do plenário da Câmara

‘Gostaria de saber se o senhor não tem vergonha’, disse o psolista ao presidente da Câmara antes de a briga começar

Glauber Braga e Arthur Lira. Fotos: Pablo Valadares/Câmara dos Deputados
Glauber Braga e Arthur Lira. Fotos: Pablo Valadares/Câmara dos Deputados
Apoie Siga-nos no

O presidente da Câmara, Arthur Lira (PP-AL), ameaçou retirar do plenário nesta terça-feira 31 o deputado Glauber Braga (PSOL-RJ). O parlamentar do PSOL iniciou um discurso com a seguinte declaração: “Gostaria de saber se o senhor não tem vergonha”.

Lira, então, cortou o microfone de Glauber, disse que o deputado não teria direito à palavra e afirmou que levaria o caso ao Conselho de Ética. Em meio à discussão, Glauber chamou o presidente da Câmara de “ditador”, ao que Lira respondeu: “Se ele continuar faltando com respeito à Casa ou a qualquer deputado aqui (…), eu usarei de medidas mais duras para retirá-lo do plenário”.

Minutos após o debate, Glauber subiu à tribuna e utilizou o tempo do PSOL. Criticou, então, Arthur Lira por declarações a favor da privatização da Petrobras.

“Está para nascer ainda quem utilizará esta presidência achando que vai calar aquilo que eu tenho a dizer”, começou o psolista. “A pergunta que eu fiz no microfone eu faço novamente: o senhor não tem vergonha, não? É pecado perguntar se o senhor não tem vergonha? Lamentável não é a minha indignação, lamentável é o senhor se sentir à vontade para, no ano de 2022, como presidente da Câmara, trair e entregar o patrimônio brasileiro fingindo que está fazendo bem à população brasileira.”

Lira rebateu, por fim, o discurso de Glauber.

“Por favor, quando vossa excelência usar o plenário, use sempre com respeito. Vergonha eu tenho de dizer que vossa excelência faz parte desse colegiado. E se puder não ter a sua companhia na próxima legislatura eu ficarei mais feliz.”

CartaCapital
Há 27 anos, a principal referência em jornalismo progressista no Brasil.

Tags: , , , ,

Jornalismo crítico e inteligente. Todos os dias, no seu e-mail

Assine nossa newsletter

Assine nossa newsletter e receba um boletim matinal exclusivo

Um minuto, por favor...

Apoiar o bom jornalismo nunca foi tão importante

Obrigado por ter chegado até aqui. Nós, da CartaCapital, temos o compromisso diário de levar até os leitores um jornalismo crítico, que chama as coisas pelo nome. E sempre alicerçado em dados e fontes confiáveis. Acreditamos que este seja o melhor antídoto contra as fake news e o extremismo que ameaçam a liberdade e a democracia.

Se este combate também é importante para você, junte-se a nós! Contribua, com o quanto que puder. Ou assine e tenha acesso ao conteúdo completo de CartaCapital.

Jornalismo crítico e inteligente. Todos os dias, no seu e-mail

Assine nossa newsletter

Assine nossa newsletter e receba um boletim matinal exclusivo

Um minuto, por favor...

Apoiar o bom jornalismo nunca foi tão importante

Obrigado por ter chegado até aqui. Nós, da CartaCapital, temos o compromisso diário de levar até os leitores um jornalismo crítico, que chama as coisas pelo nome. E sempre alicerçado em dados e fontes confiáveis. Acreditamos que este seja o melhor antídoto contra as fake news e o extremismo que ameaçam a liberdade e a democracia.

Se este combate também é importante para você, junte-se a nós! Contribua, com o quanto que puder. Ou assine e tenha acesso ao conteúdo completo de CartaCapital.