CartaExpressa

Doria compra os direitos da música ‘O homem disparou’ para as eleições 2022

Doria disputa com o governador do RS, Eduardo Leite, e o ex-prefeito de Manaus Arthur Virgílio o posto de candidato tucano à Presidência

O governador de São Paulo, João Doria. Foto: Valter Campanato/Agência Brasil
O governador de São Paulo, João Doria. Foto: Valter Campanato/Agência Brasil

A equipe do governador de São Paulo, João Doria, adquiriu os direitos da música “O homem disparou”, da banda pernambucana Vilões do Forró, a fim de utilizá-la – com modificações – nas prévias do PSDB e, possivelmente, nas eleições de 2022. A informação foi publicada pela jornalista Monica Bergamo, da Folha de S.Paulo, e confirmada por CartaCapital.

Doria disputa com o governador do Rio Grande do Sul, Eduardo Leite, e o ex-prefeito de Manaus Arthur Virgílio o posto de candidato tucano à Presidência da República. As prévias do partido estão marcadas para o próximo domingo 21.

Entre os trechos do jingle que foram alterados estão “tamo junto, negada”, que virou “tamo junto, tucanada”, e “nunca foi sorte, sempre foi Deus”, que se transformou em “nunca foi sorte, sempre foi trabalho”.

A página PSDB com Doria, que pertence ao diretória paulista da sigla, divulgou o vídeo com o jingle, repleto de montagens.

Assine nossa newsletter

Receba conteúdos exclusivos direto na sua caixa de entrada.

Um minuto, por favor...

Obrigado por ter chegado até aqui. Combater a desinformação, as mentiras e os ataques às instituições custa tempo e dinheiro. Nós, da CartaCapital, temos o compromisso diário de levar até os leitores um jornalismo crítico, alicerçado em dados e fonte confiáveis. Acreditamos que este seja o melhor antídoto contra as fake news e o extremismo que ameaçam a liberdade e a democracia.

Se você acredita no nosso trabalho, junte-se a nós. Apoie, da maneira que puder. Ou assine e tenha acesso ao conteúdo integral de CartaCapital!