CartaExpressa,Política

Datafolha: rejeição a Bolsonaro vai a 51% e é recorde

Datafolha: rejeição a Bolsonaro vai a 51% e é recorde

O presidente Jair Bolsonaro. Foto: Evaristo Sá/AFP

O presidente Jair Bolsonaro. Foto: Evaristo Sá/AFP

Pesquisa Datafolha divulgada nesta quinta-feira 8 aponta que a rejeição ao presidente Jair Bolsonaro cresceu e atingiu 51%, índice mais elevado entre os levantamentos realizados pelo instituto desde janeiro de 2019.

Na rodada anterior, conduzida em 11 e 12 de maio, 45% dos entrevistados avaliaram o governo como ruim ou péssimo. A avaliação positiva de Bolsonaro, por outro lado, segue estável, com 24%. Os que o consideram regular caíram de 30% para 24%.

De acordo com o Datafolha, Bolsonaro continua a ser o presidente eleito com a segunda pior avaliação – a esta altura de um primeiro mandato – desde a volta das eleições diretas para presidente, em 1989.

O levantamento foi realizado presencialmente nos dias 7 e 8 de julho com 2.074 pessoas acima de 16 anos em 146 municípios. A margem de erro é de dois pontos percentuais para mais ou menos.

 

 

Responda nossa pesquisa e nos ajude a entender o que nossos leitores esperam de CartaCapital

Um minuto, por favor...

Obrigado por ter chegado até aqui. Combater a desinformação, as mentiras e os ataques às instituições custa tempo e dinheiro. Nós, da CartaCapital, temos o compromisso diário de levar até os leitores um jornalismo crítico, alicerçado em dados e fontes confiáveis. Acreditamos que este seja o melhor antídoto contra as fake news e o extremismo que ameaçam a liberdade e a democracia.

Se você acredita no nosso trabalho, junte-se a nós. Apoie, da maneira que puder. Ou assine e tenha acesso ao conteúdo integral de CartaCapital!

Compartilhar postagem