CartaExpressa

Datafolha: Metade dos brasileiros acredita que Bolsonaro pode dar golpe de Estado

Datafolha: Metade dos brasileiros acredita que Bolsonaro pode dar golpe de Estado

O apoio à democracia alcançou índice de 70%, o maior registrado desde o início da série histórica da pesquisa

O presidente Jair Bolsonaro. Foto: Sergio Lima/AFP

O presidente Jair Bolsonaro. Foto: Sergio Lima/AFP

Para 50% dos brasileiros, é possível que o presidente Jair Bolsonaro tente um golpe de estado no País, segundo a pesquisa Datafolha. O presidente vinha aumentando o tom contra as instituições, sobretudo contra o STF no 7 de setembro, e recuou em uma carta à nação escrita pelo ex-presidente Michel Temer.

Entre os 50% que dizem acreditar que ele pode dar um golpe, 30% afirmam crer muito na hipótese. Já 45% dizem achar que o presidente nada fará e 6% não sabem opinar.

O maior temor de um gole de estado figura entre os que reprovam o governo, que perfazem 53% da amostra: para 70%, há risco. Já os mais ricos (71%) e os empresários (78%) descartam a hipótese.

A pesquisa ainda mostrou que o apoio à democracia não só é amplo, como alcançou o maior nível da série histórica iniciada em 1989: 70% dos respondentes da pesquisa acreditam que a democracia é o melhor sistema ao País. O contingente dos que defendem a ditadura como opção também atingiu o menor patamar da série histórica, 9%.

Entre os que mais temem a volta da ditadura estão os mais jovens (59%) e quem reprova Bolsonaro (56%). Já não veem a hipótese os mais velhos (49%), quem aprova o presidente (58%) e os mais ricos (67%).

A pesquisa Datafolha foi realizada de 13 a 15 de setembro, em 190 municípios. Foram ouvidas 3667 pessoas.

 

Responda nossa pesquisa e nos ajude a entender o que nossos leitores esperam de CartaCapital

Um minuto, por favor...

Obrigado por ter chegado até aqui. Combater a desinformação, as mentiras e os ataques às instituições custa tempo e dinheiro. Nós, da CartaCapital, temos o compromisso diário de levar até os leitores um jornalismo crítico, alicerçado em dados e fontes confiáveis. Acreditamos que este seja o melhor antídoto contra as fake news e o extremismo que ameaçam a liberdade e a democracia.

Se você acredita no nosso trabalho, junte-se a nós. Apoie, da maneira que puder. Ou assine e tenha acesso ao conteúdo integral de CartaCapital!

Compartilhar postagem