CartaExpressa

Crivella vai ao TSE para reverter inelegibilidade

Prefeito afirmou que política municipal é movida por ‘ódios e paixões’

O prefeito do Rio de Janeiro, Marcelo Crivella (Republicanos), afirmou que acionará o Tribunal Superior Eleitoral (TSE) para recorrer da decisão do Tribunal Regional Eleitoral (TRE) que o tornou inelegível.

Ao comentar a decisão de recorrer ao TSE, Crivella afirmou que a política municipal é movida por ódios e paixões. “Não é raro perder aqui e ganhar lá. O TSE está longe desse dilúvio de ódios e paixões que é a politica municipal. Aqui as coisas fervem. Acho que o TRE pode ser que tenha usado essa acusação que o MPE guardou no freezer por dois anos e na hora da eleição ele pegou. O Tribunal usou um rigor grande e mão pesada. Acho que foi de exemplo para todos os candidatos que será duro, tem que seguir a regra, sobretudo quem está no poder para evitar qualquer exagero ou desvantagem em relação aos outros candidatos”.

A defesa de Crivella no TSE deve ficar a cargo de Admar Gonzaga, ex-ministro da Corte eleitoral e advogado do presidente Jair Bolsonaro na tentativa de criação do partido Aliança pelo Brasil.

CartaCapital

CartaCapital

Tags: , ,

Assine nossa newsletter

Receba conteúdos exclusivos direto na sua caixa de entrada.

Um minuto, por favor...

Obrigado por ter chegado até aqui. Combater a desinformação, as mentiras e os ataques às instituições custa tempo e dinheiro. Nós, da CartaCapital, temos o compromisso diário de levar até os leitores um jornalismo crítico, alicerçado em dados e fonte confiáveis. Acreditamos que este seja o melhor antídoto contra as fake news e o extremismo que ameaçam a liberdade e a democracia.

Se você acredita no nosso trabalho, junte-se a nós. Apoie, da maneira que puder. Ou assine e tenha acesso ao conteúdo integral de CartaCapital!