CartaExpressa

Covas prefere enfrentar Russomanno a Boulos no 2º turno, diz jornal

Tucanos consideram adversário do Republicanos mais fácil a ser batido

Apoie Siga-nos no

A pesquisa Datafolha desta quinta-feira 22 mostrou um derretimento da candidatura do deputado Celso Russomanno (Republicanos) para a Prefeitura de São Paulo. Antes na liderança, o candidato do presidente Jair Bolsonaro caiu 7 pontos, deixando o primeiro lugar com o prefeito Bruno Covas (PSDB).

Mas, de acordo com o jornal Folha de S.Paulo, a queda de Russomanno causou apreensão na campanha de Covas. Isso porque o tucano preferiria enfrentar o candidato do Republicanos do que Guilherme Boulos (PSOL) ou Márcio França (PSB) em um hipotético segundo turno.

Boulos aparece em terceiro lugar na pesquisa e pela margem de erro já está empatado com Russomanno.

CartaCapital
Há 27 anos, a principal referência em jornalismo progressista no Brasil.

Tags: , , , ,

Jornalismo crítico e inteligente. Todos os dias, no seu e-mail

Assine nossa newsletter

Assine nossa newsletter e receba um boletim matinal exclusivo

Um minuto, por favor...

Apoiar o bom jornalismo nunca foi tão importante

Obrigado por ter chegado até aqui. Nós, da CartaCapital, temos o compromisso diário de levar até os leitores um jornalismo crítico, que chama as coisas pelo nome. E sempre alicerçado em dados e fontes confiáveis. Acreditamos que este seja o melhor antídoto contra as fake news e o extremismo que ameaçam a liberdade e a democracia.

Se este combate também é importante para você, junte-se a nós! Contribua, com o quanto que puder. Ou assine e tenha acesso ao conteúdo completo de CartaCapital.

Jornalismo crítico e inteligente. Todos os dias, no seu e-mail

Assine nossa newsletter

Assine nossa newsletter e receba um boletim matinal exclusivo

Um minuto, por favor...

Apoiar o bom jornalismo nunca foi tão importante

Obrigado por ter chegado até aqui. Nós, da CartaCapital, temos o compromisso diário de levar até os leitores um jornalismo crítico, que chama as coisas pelo nome. E sempre alicerçado em dados e fontes confiáveis. Acreditamos que este seja o melhor antídoto contra as fake news e o extremismo que ameaçam a liberdade e a democracia.

Se este combate também é importante para você, junte-se a nós! Contribua, com o quanto que puder. Ou assine e tenha acesso ao conteúdo completo de CartaCapital.