CartaExpressa

Como está a disputa pela prefeitura de Goiânia, segundo o Paraná Pesquisas

Delegada Adriana Accorsi (PT) aparece numericamente na liderança, mas em empate técnico com dois candidatos

A deputada federal Delegada Adriana Accorsi. Foto: Bruno Spada/Câmara dos Deputados
Apoie Siga-nos no

Um levantamento do Paraná Pesquisas divulgado nesta terça-feira 6 indica um cenário equilibrado na disputa pela prefeitura de Goiânia. Os três primeiros colocados aparecem tecnicamente empatados.

Confira os resultados:

  • Delegada Adriana Accorsi (PT): 22,1%;
  • Vanderlan Cardoso (PSD): 20,6%;
  • Gustavo Gayer (PL): 19,7%;
  • Bruno Peixoto (União): 10,7%;
  • Rogério Cruz (Republicanos): 7,4%;
  • Jânio Darrot (MDB): 2,9%;
  • Leonardo Rizzo (Novo): 2,1%;
  • Nenhum/branco/nulo: 9,1%;
  • Não sabe/não respondeu: 5,4%.

A pesquisa também mediu o impacto de indicações na hora de escolher um candidato à prefeitura. Os “padrinhos” selecionados foram o presidente Lula (PT), o ex-presidente Jair Bolsonaro (PL) e o governador Ronaldo Caiado (União):

O Paraná Pesquisas entrevistou 680 eleitores de Goiânia entre 31 de janeiro e 5 de fevereiro. A margem de erro estimada é de 3,8 pontos percentuais, com um nível de confiança de 95%.

ENTENDA MAIS SOBRE: , , , , , , , ,

Jornalismo crítico e inteligente. Todos os dias, no seu e-mail

Assine nossa newsletter

Assine nossa newsletter e receba um boletim matinal exclusivo

Relacionadas

Jornalismo crítico e inteligente. Todos os dias, no seu e-mail

Assine nossa newsletter

Assine nossa newsletter e receba um boletim matinal exclusivo

Um minuto, por favor…

O bolsonarismo perdeu a batalha das urnas, mas não está morto.

Diante de um país tão dividido e arrasado, é preciso centrar esforços em uma reconstrução.

Seu apoio, leitor, será ainda mais fundamental.

Se você valoriza o bom jornalismo, ajude CartaCapital a seguir lutando por um novo Brasil.

Assine a edição semanal da revista;

Ou contribua, com o quanto puder.