CartaExpressa,Política

Carlos Bolsonaro vai ao STF contra a cúpula da CPI da Covid; Kassio Nunes será o relator

Carlos Bolsonaro vai ao STF contra a cúpula da CPI da Covid; Kassio Nunes será o relator

O vereador Carlos Bolsonaro (Republicanos-RJ). Foto: Sergio Lima/AFP

O vereador Carlos Bolsonaro (Republicanos-RJ). Foto: Sergio Lima/AFP

O vereador Carlos Bolsonaro (Republicanos-RJ) protocolou uma notícia-crime no Supremo Tribunal Federal contra os principais nomes da CPI da Covid, que encerrou os trabalhos em outubro.

Carlos acusa o presidente da comissão, senador Omar Aziz (PSD-AM), e o relator, senador Renan Calheiros (MDB-AL), de cometerem crimes como prevaricação e abuso de autoridade.

O ministro Kassio Nunes Marques, indicado pelo presidente Jair Bolsonaro, foi sorteado relator do caso. A tendência é de que ele envie a notícia-crime à Procuradoria-Geral da República, que fará uma avaliação preliminar.

Carlos Bolsonaro chama o relatório da CPI de “peça de ficção, que divide a família do presidente da República, funcionários públicos, políticos e outros brasileiros que compartilham as mesmas ideias do presidente da República, em supostos núcleos organizados, conforme a narrativa criada pelos opositores ao Governo Federal”.

O relatório recomenda o indiciamento de Carlos por incitação ao crime.

 

Um minuto, por favor...

Obrigado por ter chegado até aqui. Combater a desinformação, as mentiras e os ataques às instituições custa tempo e dinheiro. Nós, da CartaCapital, temos o compromisso diário de levar até os leitores um jornalismo crítico, alicerçado em dados e fontes confiáveis. Acreditamos que este seja o melhor antídoto contra as fake news e o extremismo que ameaçam a liberdade e a democracia.

Se você acredita no nosso trabalho, junte-se a nós. Apoie, da maneira que puder. Ou assine e tenha acesso ao conteúdo integral de CartaCapital!

Compartilhar postagem