CartaExpressa

Bolsonaro é internado em Brasília com dores abdominais

As agendas oficiais desta quarta, incluindo uma reunião com Fux, Lira e Pacheco, foram canceladas

O presidente Jair Bolsonaro. Foto: Alan Santos/PR
O presidente Jair Bolsonaro. Foto: Alan Santos/PR
Apoie Siga-nos no

O presidente Jair Bolsonaro foi internado no Hospital das Forças Armadas, em Brasília, na manhã desta quarta-feira 14.

As informações são de que Bolsonaro sentiu fortes dores abdominais e foi levado ao hospital para fazer exames.

Em nota oficial, a Secretaria Especial de Comunicação Social (Secom) confirmou que o presidente deu entrada no hospital para “investigar a causa dos soluços”.

A nota informa também que “por orientação médica, o presidente ficará sob observação no período de 24 horas a 48 horas, não necessariamente no hospital”. Segundo a Secom, Bolsonaro está “animado e passa bem.”

As agendas oficiais desta quarta, incluindo uma reunião com Fux, Lira e Pacheco, foram canceladas.

CartaCapital
Há 27 anos, a principal referência em jornalismo progressista no Brasil.

Tags: ,

Jornalismo crítico e inteligente. Todos os dias, no seu e-mail

Assine nossa newsletter

Assine nossa newsletter e receba um boletim matinal exclusivo

Um minuto, por favor...

Apoiar o bom jornalismo nunca foi tão importante

Obrigado por ter chegado até aqui. Nós, da CartaCapital, temos o compromisso diário de levar até os leitores um jornalismo crítico, que chama as coisas pelo nome. E sempre alicerçado em dados e fontes confiáveis. Acreditamos que este seja o melhor antídoto contra as fake news e o extremismo que ameaçam a liberdade e a democracia.

Se este combate também é importante para você, junte-se a nós! Contribua, com o quanto que puder. Ou assine e tenha acesso ao conteúdo completo de CartaCapital.

Jornalismo crítico e inteligente. Todos os dias, no seu e-mail

Assine nossa newsletter

Assine nossa newsletter e receba um boletim matinal exclusivo

Um minuto, por favor...

Apoiar o bom jornalismo nunca foi tão importante

Obrigado por ter chegado até aqui. Nós, da CartaCapital, temos o compromisso diário de levar até os leitores um jornalismo crítico, que chama as coisas pelo nome. E sempre alicerçado em dados e fontes confiáveis. Acreditamos que este seja o melhor antídoto contra as fake news e o extremismo que ameaçam a liberdade e a democracia.

Se este combate também é importante para você, junte-se a nós! Contribua, com o quanto que puder. Ou assine e tenha acesso ao conteúdo completo de CartaCapital.