CartaExpressa,Política

Bolsonaro assiste desfile de tanques e recebe convite para exercício militar

Bolsonaro assiste desfile de tanques e recebe convite para exercício militar

É a primeira vez que o convite é entregue com um comboio militar; ‘desfile’ ocorre no mesmo da sessão da Câmara que analisa o voto impresso

Foto: Reprodução/Redes Sociais

Foto: Reprodução/Redes Sociais

A Marinha realizou um ‘desfile’ de tanques blindados e outros veículos militares em frente ao Palácio do Planalto na manhã desta terça-feira 10 para entregar um convite ao presidente Jair Bolsonaro para participar de um exercício militar previsto para as próximas semanas.

O ato foi acompanhado também por ministros do governo e pelos chefes das Forças Armadas. Nenhum representante dos outros Poderes esteve presente.

O convite é para Bolsonaro assistir a um exercício militar que ocorre anualmente desde 1988 na cidade goiana de Formosa, próxima a Brasília. No entanto, esta é a primeira vez que o convite é entregue com um comboio de blindados.

O ato ocorre no mesmo dia em que a Câmara dos Deputados analisa a PEC do voto impresso a poucos metros de onde passaram os veículos. A tendência é de que a proposta, que é hoje a principal bandeira de Bolsonaro, seja rejeitada. Desde que foi anunciado, o ‘desfile’ vem sendo criticado por ser entendido como mais uma tentativa de intimidação dos Poderes pelo presidente.

Na noite de segunda-feira 9, o presidente da Câmara, deputado Arthur Lira (PP-AL), classificou o episódio como uma ‘trágica coincidência’. O ato foi repudiado pela oposição, que chegou a pedir na Justiça o cancelamento do ‘desfile’. O pedido, porém, foi negado.

Um minuto, por favor...

Obrigado por ter chegado até aqui. Combater a desinformação, as mentiras e os ataques às instituições custa tempo e dinheiro. Nós, da CartaCapital, temos o compromisso diário de levar até os leitores um jornalismo crítico, alicerçado em dados e fontes confiáveis. Acreditamos que este seja o melhor antídoto contra as fake news e o extremismo que ameaçam a liberdade e a democracia.

Se você acredita no nosso trabalho, junte-se a nós. Apoie, da maneira que puder. Ou assine e tenha acesso ao conteúdo integral de CartaCapital!

Compartilhar postagem